Skip to content

29/05/2017

boticário

 

 

cartório eleitoral

Banner (2)

faafh valendo rebaixado

Anuncio Expresso

Semi-árido continua sofrendo com a longa seca de 7 anos

29/05/2017

Barragem de Jucazinho no agreste pernambucano, quase seca.

Segundo leitura do ONS – Operador Nacional do Sistema de energia, o reservatório de Sobradinho estava, neste domingo, com apenas 13,4% de sua capacidade. Enquanto isso os inúmeros açudes do restante do Nordeste estão com apenas 17% de sua capacidade de armazenamento de água. Segundo cálculos das autoridades do setor, toda a reserva do Nordeste não seria capaz de encher o açude Castanhão, o maior da região, que tem apenas 5% de suas reservas.

O dado é do sistema Olho N’Água, do Insa (Instituto Nacional do Semiárido) e da UFCG (Universidade Federal de Campina Grande), que pela primeira vez fazem uma soma em tempo real do volume de todos os reservatórios em nove Estados.

Cerca de 24 milhões de pessoas, em 1.133 cidades do semiárido, são diretamente afetadas pelos sete últimos anos de seca.

Parkour, Capoeira e Break são destaques no Parque Esportivo que comemorou os 126 anos de Barreiras

29/05/2017

Durante o último domingo, 28, centenas de pessoas se reuniram no Parque de Exposição Engenheiro Geraldo Rocha (que foi transformado em Parque Esportivo), para acompanhar mais de 20 atividades de esporte e lazer que compuseram a programação dos 126 anos de Barreiras. Além de modalidades esportivas tradicionais, os visitantes puderam conhecer mais sobre a prática do Parkour e o estilo de dança Break Dance.

O Prefeito de Barreiras, Zito Barbosa não só acompanhou de perto a programação como falou sobre a necessidade de apoiar os movimentos urbanos de esporte, cultura e lazer. Neste sentido, a capoeira que tem muitos adeptos em todo o oeste também ganhou destaque no evento

“Esses grupos reúnem a população e incentivam práticas saudáveis de dança e esporte em um grande movimento pela qualidade de vida. Todos podem contar com o nosso apoio na adequação de espaços públicos com finalidade esportiva, queremos vocês em uma bonita apresentação Centro Cultural, com total apoio da prefeitura”, disse o prefeito Zito.

Os integrantes do grupo de Parkour Free Runner residem em Barreiras e vem utilizando a área do Parque de Exposição para treinos. A modalidade ainda pouco explorada no oeste baiano tornou-se um estilo de vida que consiste no uso do corpo para deslocamento rápido, por meio de saltos, superando obstáculos da infraestrutura urbana. O prefeito se comprometeu com a manutenção do Circuito Parkour no Parque de Exposições, bem como em trabalhar pelo crescimento do esporte na região.

Quem esteve presente também pode conferir a apresentação de break dance. Cinco B-Boys, dançarinos de Break, contagiaram o público com o estilo urbano de dança que nasceu no subúrbio americano.

A programação comemorativa foi encerrada por volta das 22:00 horas.

Atenção meninada faceira, a Sífilis está de volta de forma epidêmica.

29/05/2017

Apesar de ainda ser tabu para muitas pessoas, as Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs) estão presentes cada vez mais sociedade moderna. Entre as DSTs que retornaram está a sífilis que, segundo dados divulgados pelo Ministério da Saúde, entre 2010 e 2015 houve um aumento de mais de 5.000%.

A sífilis é uma doença originada na Idade Média causada pela bactéria Treponema Pallidum. Segundo o ginecologista e obstetra, Domingos Mantelli, a doença pode ser transmitida por diversas formas: sexualmente, de mãe para filho, por transfusão de sangue ou por contato direto com o sangue contaminado.

“Surge como uma pequena ferida nos órgãos sexuais e com ínguas nas virilhas. As feridas são indolores e não apresentam pus. Após um certo tempo, a ferida desaparece sem deixar cicatriz, dando à pessoa a falsa impressão de estar curada. Se não tratada precocemente, pode comprometer olhos, pele, ossos, coração, cérebro e sistema nervoso”, alerta o médico.

De acordo com Mantelli, existem três estágios da doença: na primeira fase, os sintomas ficam mais evidentes e há maior risco de transmissão; no segundo estágio, a bactéria fica latente no organismo e no terceiro, a doença volta mais agressiva, causando cegueira, paralisia, doenças cardíacas, transtornos mentais e pode levar à morte.

“A sífilis pode causar um comprometimento muito sério no sistema nervoso, na audição e nos olhos. É importante lembrar que não existe uma vacina. A única forma de prevenir a sífilis é através do sexo seguro com camisinha uma vez que a transmissão se dá por relação sexual vaginal, oral e anal sem o uso de preservativos, além de transfusão de sangue”, acrescenta Mantelli.

O ginecologista adverte para o cuidado com o aumento da sífilis gestacional da mãe infectada para o bebê durante a gestação ou parto. “É necessário que, no início da gravidez, a paciente procure um obstetra para realizar o pré-natal e fazer todos os exames possíveis para diagnosticar qualquer doença.

O tratamento da sífilis é feito com antibióticos. O diagnóstico é feito por exames clínicos e laboratoriais, durante o pré-natal até o nascimento do bebê”, sinaliza o médico.

E o médico conclui: “não se vê quem tem alguma doença sexualmente transmissível pelo rosto ou documento. Há casos em que o próprio portador não faz ideia que está contaminado. A doença fica incubada e é transmitida por relação sexual sem proteção”.

João Leão presidirá a abertura da Bahia Farm Show

29/05/2017

Foto: Camila Souza/GOVBA

Pela primeira vez na história da Bahia Farm Show o Governador não estará presente na cerimônia de abertura. Ele será representado pelo vice-governador João Leão, que presidirá o evento. O avião de João Leão pousa às 9 horas no Aeroporto de Luís Eduardo Magalhães, de onde ele segue para a abertura da Feira.

Diz a Rádio Corredor, a mais bem informada do Oeste baiano, que Rui Costa não aguenta mais as pressões da dupla Jusmari-Oziel. No momento, eles disputam com garras e dentes  o cargo de coordenador regional da CAR – Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional, que é chefiada por Baltazarino Jr., uma indicação do PT e do PP.

Mesmo sem saber se terá condições legais para registrar sua candidatura, Jusmari transformou o mandato de Oziel em plataforma de lançamento para a campanha de 2018.

A um dia da abertura, é grande a expectativa para a Bahia Farm Show 2017

29/05/2017

A 13 ª edição da Feira reforça a pujança do agronegócio do oeste da Bahia e do Matopiba. O evento deve alavancar a economia regional 

O desafio de reunir em um só local as principais inovações tecnológicas do agronegócio mundial será mais uma vez posto à prova, a partir desta terça-feira (30), durante a Bahia Farm Show 2017. Pelo 13º ano consecutivo, a Feira vai concentrar, em Luís Eduardo Magalhães (BA), todos os elos da cadeia que mais gera emprego e renda no País.

De um lado, empresas dos setores de máquinas e implementos agrícolas, consultores e técnicos, ansiosos por mostrarem as principais inovações. E do outro, pequenos, médios e grandes agricultores que buscam melhorar o desempenho no plantio, colheita, e, consequentemente, uma maior produtividade no campo.

Tudo isso, regado a créditos e juros facilitados pelas instituições financeiras públicas e privadas presentes nos cinco dias de evento, que segue até o próximo sábado (03).

A cerimônia de abertura terá início a partir das 10h, na Praça do Complexo Bahia Farm, e contará com a presença de autoridades políticas, representantes das instituições financeiras e agricultores de toda a área de abrangência do Matopiba (fronteira agrícola que reúne os estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia).

Os convidados serão recepcionados pelos anfitriões do evento, os presidentes da Associação dos Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba), Celestino Zanella, e da Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa), Júlio Cézar Busato.

Segunda do Pão no Super Marabá

29/05/2017

 Secretaria de Meio Ambiente de LEM está paralisada: titular da pasta e diretor impedidos de assinar projetos

29/05/2017

A administração do prefeito Oziel Alves de Oliveira deverá enfrentar sérios problemas a médio prazo com a atuação da Secretaria do Meio Ambiente. Izabel Cristina Ceron de Paula,  ex-consultora ambiental até dezembro de 2016, atual Secretária de Meio Ambiente de Luís Eduardo Magalhães, e graduada em Engenharia Florestal pela Universidade Federal de Santa Maria  tem dois processos no IBAMA, por cometer crime ambiental, e os projetos encaminhados pela Secretaria de Luís Eduardo já começam a enfrentar problemas no INEMA e no IBAMA para aprovação. A facilitação de ter um órgão ambiental a nível municipal, para toda a cadeia do agronegócio, fica assim comprometida.

Não é exceção:  o biólogo Alcides Junior – Diretor de Meio Ambiente – também está envolvido em processo do IBAMA por cometimento de crime ambiental em projetos que fez durante o seu licenciamento como presidente do Sindicato dos Servidores.

Processos ajuizados e inscritos no CADIN

Atualmente a Secretária de Meio Ambiente tem dois processos no IBAMA por cometer crime ambiental.

O processo nº 2058.000102/2013-18 (Formosa do Rio Preto) já encontra-se ajuizado, sendo que a multa de R$ 201.500,00 (duzentos e um mil e quinhentos reais) esta sendo cobrada via judicial, e ela está cadastrada no Cadastro Informativo de créditos não quitados do setor público federal (Cadin).

A multa foi aplicada com base nos artigos 70, e 72 inc. II, da Lei Federal 9605 (Crimes Ambientais) e art. 3, inc. II e Art. 82, do Decreto Federal nº 6514.

O processo nº 02058.000135/2015-20 (Luís Eduardo Magalhães) está em fase de julgamento, e a multa aplicada foi de R$ 211.500 (duzentos e onze mil e quinhentos reais), conforme art. 70, par. 1º e Art. 72, inc. II da Lei Federal 9605; e art. 3º, inc. II, art. 82 do Decreto Federal 6514/08.

Nos dois processos a Secretária foi multada por apresentar informações falsas em estudos e projetos para desmatamento de fazendas, sendo que a área de desmatamento foi de mais de  20 mil hectares.

Os proprietários das fazendas também foram multados em valores milionários pelo IBAMA, e já estão processando a Secretária pelo prejuízo causado ao apresentar projetos e relatórios fraudulentos para o IBAMA.

Diretor pode ter registro profissional cassado

No processo nº 02058.000029/2015-46 o atual Diretor de Meio Ambiente, Alcides Junior Ribeiro Meira, foi multado em R$ 220.000,00 (duzentos e vinte mil reais) pelo IBAMA, por apresentar estudos e relatórios ambientais fraudulentos para o IBAMA – referente ao desmatamento de área superior a 20 mil hectares.

Conforme relataram os fiscais do IBAMA, foi realizada a fiscalização na fazenda onde estava ocorrendo o desmatamento e que, segundo os projetos e relatórios apresentados, o Diretor deveria estar presente para realizar o afugentamento e o resgate dos animais silvestres.

No entanto o Alcides não estava no local, e os fiscais registraram que o desmatamento estava ocorrendo de forma ilegal com o uso de CORRENTÃO. Foram encontrados diversos animais silvestres do cerrado mortos por atropelamento dos tratores e pelo uso de instrumentos não permitidos pela lei.

O IBAMA notificou o CrBio (Conselho de Biologia), solicitando que fosse cassado o registro profissional do Alcides.

Uma informação importante é que os relatórios e projetos que o Alcides apresentou para o IBAMA tinham uma data específica, na qual ele alegou que estava presente na fazenda onde houve o desmatamento. No entanto, a Fiscalização do Ibama conseguiu um ofício, emitido pela Secretaria Municipal de Saúde de Luís Eduardo Magalhães, assinado pelo secretário da época, que confirma que o Alcides estava em reunião na Secretaria de Saúde representando o Sindicato de Servidores, no mesmo dia em que ele alegou ao IBAMA que estava em campo acompanhando o desmatamento.

O Diretor foi licenciado do cargo de Biólogo, que ocupa na Secretaria Municipal de Meio Ambiente, para ser Presidente do Sindicato dos servidores públicos até fevereiro de 2017. No entanto, existem inúmeras provas que demonstram que durante a licença ele estava prestando consultoria ambiental e assinando contrato com outras empresas. Inclusive ele apresentou documento ao IBAMA alegando que estava trabalhando a serviço de empresa particular terceira durante dias e horários nos quais deveria estar trabalhando apenas junto ao Sindicato.

Bens bloqueados

A Secretária encontra-se com os bens bloqueados, impedida de contratar credito ou qualquer contrato/convenio junto ao poder publico federal, impedida de emitir certidão negativa de débitos e com registro no CADIN, tudo decorrente dos crimes ambientais cometidos e Autuados pelo IBAMA de Barreiras, conforme informado.