Skip to content

08/07/2015

sampa

A Topvel apresenta o novo Chevrolet Cobalt 2016

 

STAND GIF
banner top park com telefone

 

CEmac Faahf

chapadão

Faahf VESTIBULAR AGENDADO

 

No final do Governo FHC, a fome matava 300 crianças por dia

11/02/2016

 

No final do Governo de Fernando Henrique Cardoso, quando se encerrava a famosa década perdida, 300 crianças, em tenra idade, morriam de desnutrição todos os dias. A matéria é do Jornal Nacional, da Globo. Na época, não parecia haver a indignação com “o desgoverno e a roubalheira”, o ódio, a intolerância. A classe média permanecia calada.

O gráfico abaixo mostra como variaram nos dois governos: a taxa de juros Selic definida pelo Banco Central, a taxa de inflação pelo IPCA e a Taxa de juros real (SELIC – IPCA), todas com intervalos mensais anualizados.

O gráfico mostra os picos de taxas de juros das crises de 97 e 99 e da liberação do câmbio no início do segundo mandato de FHC, o que significa que em crises bem menores que a de 2009, o País teve que tomar medidas mais drásticas pois a nossa economia tinha se tornado fragilizada com a sangria de nossas reservas, que foi o custo da reeleição do FHC.

Também é importante salientar que durante todo o seu governo manteve a taxa Selic em torno de 20% ao ano, mostrando como o País pagou o preço da estagnação para sustentar um controle inflacionário apoiado em fundamentos equivocados, além de evidenciar a incoerência dos tucanos quando hoje criticam os juros reais.

jurosxinflacao

É interessante também comparar os dados econômicos do final do Governo FHC e de 2009, no auge da crise internacional, sétimo ano do Governo Lula:

econômicos

Prefeito participa de evento da Comunidade Católica

11/02/2016

O prefeito Humberto Santa Cruz prestigiou o último dia do Celebrai em Cristo da Igreja Católica em LEM

O prefeito Humberto Santa Cruz, acompanhado da primeira-dama e secretária de Trabalho e Assistência Social, Maira de Andrada Santa Cruz, prestigiou na tarde da terça-feira, 09, o encerramento do Celebrai em Cristo 2016, evento da Comunidade Católica Sagradas Chagas da Igreja Católica de Luís Eduardo Magalhães.

Durante quatro dias, de 06 a 09 de fevereiro, o Celebrai em Cristo proporcionou aos seus visitantes um encontro de avivamento, oração, pregação, louvor, adoração e música. Após a missa de encerramento, o prefeito e a primeira-dama se encontraram com o padre Cristiano Mayr, da Paróquia Nossa Senhora Aparecida, o bispo da Diocesde de Barreiras, Dom Josafá Menezes e os missionários da Comunidade Católica Sagradas Chagas, Antônio Carlos Alves dos Santos e João Paulo de Jesus Santos.

Congresso promulgará emenda que abre janela para troca de partidos

11/02/2016
Foto Luiz Alves, da Câmara.

Foto Luiz Alves, da Câmara.

Será promulgada em 18 de fevereiro, em sessão conjunta do Congresso Nacional, a emenda constitucional que abre “janela” para troca de partidos sem perda de mandato. De acordo com o texto (PEC 182/07), os detentores de mandatos eletivos poderão deixar os partidos pelos quais foram eleitos nos 30 dias seguintes à promulgação da emenda.

A desfiliação, no entanto, não será considerada para fins de distribuição do dinheiro do Fundo Partidário e do acesso gratuito ao tempo de rádio e televisão.

A medida fez parte da proposta de emenda à Constituição que trata da reforma política já aprovada pelos deputados. O restante do texto, que prevê medidas como o fim da reeleição para cargos do Poder Executivo, ainda vai ser examinado no Senado.

Mosquito mata e aleija e Governo para de fornecer testes

11/02/2016

imagesO Ministério da Saúde está há cinco meses sem enviar aos estados os kits de sorologia para os exames de detecção de dengue.

O Ministério da Saúde informou que enfrenta dificuldades para comprar o material e isso causou uma “redução na distribuição regular de kits”.

Conforme informou ao jornal O Globo, a situação deve ser regularizada ainda neste mês, mas existem outros exames laboratoriais capazes de identificar a doença.

Em 2015, foram registrados 1,6 milhão de casos suspeitos de dengue, o que representa aumento de 180% na comparação com o ano anterior. Segundo o Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde, divulgado em meados de janeiro de 2015, foram confirmadas 843 mortes pela doença, ante 473 óbitos do ano anterior. O mês de abril foi considerado o pico de incidência dessas infecções.

Epidemia até no DF

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal registrou 1.073 confirmações de casos de dengue em moradores da capital, desde o início de 2016. Segundo dados divulgados no boletim epidemiológico houve aumento em comparação ao mesmo período do ano passado, quando foram confirmados 236 casos.

Por falar nisso, onde estão os fumigadores de combate ao mosquito aedes aegypti em Luís Eduardo Magalhães e Barreiras? Mesmo depois das chuvaradas fortes, não se vê, em lugar algum, o combate frontal ao mosquito.

Em 10 dias, Brasil tem mesmo horário que o Nordeste

11/02/2016

Foto-do-Por-do-Sol-para-Whatsapp

O horário de verão 2016 termina em 10 dias, no terceiro fim de semana deste mês. Por isso, à meia-noite do dia 21 de fevereiro, o horário normal volta a ser adotado, e os relógios precisam ser atrasados em uma hora.

O horário especial começou à meia-noite do dia 18 de outubro. A expectativa do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) era economizar R$ 240 milhões nos 126 dias de duração, mas os resultados oficiais dessa medida ainda não foram divulgados.

Segundo o Ministério de Minas e Energia, a adoção do horário especial possibilitou, nos últimos dez anos, uma redução média de 4,6% na demanda por energia no horário de maior consumo, quando pessoas, empresas e indústrias utilizam energia ao mesmo tempo.

Carnaval: 1.415 feridos, 94 mortos, até terça nas estradas federais

11/02/2016
Casal de professores e genro morreram em acidente na BR-364 em Mato Grosso (Foto: Divulgação/PRF-MT)Casal de professores e genro morreram em acidente na BR-364 em Mato Grosso (Foto: Divulgação/PRF-MT)

Balanço preliminar divulgado nesta quarta-feira (10) pela Polícia Rodoviária Federal aponta redução de 48% nos acidentes em rodovias federais de todo o país no Carnaval deste ano, na comparação com a festa de 2015. Os dados incluem ocorrências entre sexta-feira (5) e terça (9) e somam 1.429 acidentes, sendo 150 graves, com 1.415 feridos e 94 mortos.

Em cinco dias, as equipes da PRF também flagraram 1.249 motoristas que tinham ingerido bebida alcoólica. Destes, 153 foram presos pelo crime de embriaguez – quando o nível de álcool é superior a 0,33 ml por litro de ar.

Outros 6 mil condutores foram multados por ultrapassagem em local proibido. O número de motoristas flagrados por excesso de velocidade também foi alto: 69.448 veículos em cinco dias.

Dos 151 mil veículos fiscalizados até a madrugada desta quarta, 30 mil foram multados – média de um a cada cinco. Cerca de 1,5 mil foram recolhidos aos pátios da PRF e só poderão ser liberados quando as irregularidades forem resolvidas.

Em 2015, os primeiros cinco dias da operação (de 13 a 17 de fevereiro) somaram 2.307 acidentes, sendo 344 graves, 2.306 feridos e 97 mortos. A operação Carnaval segue até a meia-noite desta quarta, e os dados finais por estado e em todo o país devem ser divulgados nesta quinta (11).

Economia de verdade no Super Marabá

11/02/2016

2016-02-11

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 146 outros seguidores