Skip to content

Nota de pesar da Família Marabá

18/08/2017

Como entender a Justiça? Ministro manda soltar, Juiz Federal prende de novo.

18/08/2017

Lélis: libertado, mas sem sair da prisão, tem nova preventiva decretada.

O juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, mandou prender novamente, nesta quinta-feira (17), o ex-presidente da Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Rio de Janeiro (Fetranspor), Lélis Teixeira. A defesa do empresário havia conseguido na tarde de hoje um habeas corpus determinando sua soltura, expedido pelo ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (TRF).

Bretas baseou-se em novas informações, obtidas pela Polícia Federal (PF), de diálogos suspeitos de Lélis com o ex-deputado e ex-secretário municipal Rodrigo Bethlem, nos quais ambos conversariam sobre tratativas para a manutenção de suposto esquema ilícito no setor de transportes do Rio. Bethlem trabalhou como assessor na campanha do prefeito Marcelo Crivella.

“Determino a expedição de novo mandado de prisão preventiva, tendo em vista que se trata de novos fundamentos, desta feita relacionados à prefeitura da cidade do Rio de Janeiro”, escreveu Bretas em sua decisão.

Lélis foi preso dia 3 de julho, na Operação Ponto Final, que investiga ligações criminosas entre políticos e empresários do setor de ônibus. Da Agência Brasil.

Tragédia na BR 020: motoristas tentaram fugir da colisão e bateram fora da estrada.

18/08/2017

O acidente que vitimou o vereador Mardonio da Rocha Carvalho em uma colisão frontal, na BR 020, uns 6 km antes da Vila do Novo Paraná, já tem uma explicação. O Vereador viajava em seu Kia Sportage no sentido de Luís Eduardo Magalhães, quando por um motivo ainda não definido, provavelmente uma ultrapassagem, veio a colidir com uma Chevrolet S 10, já no acostamento.

Os dois motoristas tiveram a mesma ideia, o que resultou na tragédia: fugir para o acostamento para escapar da colisão, onde acabaram de fato colidindo. O choque foi tão violento que Jorge Vieira Novaes, de 68 anos, morador do Assentamento Rio de Ondas, que aproveitava uma carona no carro de Mardonio, foi ejetado pelo teto solar do veículo.

Mardonio, seu assessor Dionílio Ribeiro dos Santos e Jorge expiraram na hora do acidente.

Na camionete S10, dirigida pelo sargento da reserva da Polícia Militar de Brasília, ficaram feridas 6 pessoas, entre elas duas crianças, Luís Guilherme Duarte Silva Albuquerque, de 12 anos, e Felipe Aquiles Duarte da Silva, de 5 anos. Também se feriram, além do motorista, Deilcom Duarte de Albuquerque, de 56 anos, Sinobilina Maria Duarte Albuquerque, de 54 anos, Ludmila Duarte de Albuquerque, de 30 anos, e Cristian da Silva Albuquerque.

Ambulâncias do SAMU e da Prefeitura, além de carros particulares, participaram do resgate dos sobreviventes para a UPA. Depois das 19 horas chegou ao local os carros da Polícia Técnica que removeram os corpos para o IML de Barreiras.

O prefeito Oziel Oliveira decretou luto de três dias e a Câmara Municipal, luto de 5 dias.

Um vídeo emocionante da Williams, no tempo em que a F1 ainda arrepiava

18/08/2017

Para os amantes das competições, o vídeo promocional dos 40 anos da Williams, do tempo em que os carros ainda tinham um som que arrepiava. Assista em HD, no YouTube, em tela inteira. Vale a pena.

O Lago da Serra da Mesa está morrendo, na mesma medida do Lago de Sobradinho

18/08/2017

O grande Lago da Serra da Mesa agora está bordado de grandes praias de areia branca, frequentadas apenas pelo gado.

Surge mais uma vítima da estiagem no Centro-Oeste e Nordeste no Brasil. O lago da hidrelétrica da Serra da Mesa, a 200 km de Brasília, no alto Tocantins, está com apenas 10% de sua capacidade de acumulação. É a maior crise hídrica dos últimos 15 anos, quando ainda no Governo FHC o País enfrentou sucessivos apagões de energia. O fenômeno El Niño e o aumento da retirada de água dos afluentes do Tocantins estão cobrando o seu quinhão.

A marca negativa na régua de medição só não é mais baixa que o pico de 9,35%, alcançado em 2001. A Usina Hidrelétrica de Serra da Mesa, instalada em Minaçu, no extremo norte goiano, é indispensável para o atendimento do mercado de energia elétrica das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. O abastecimento elétrico em Goiás e no DF dependem do reservatório, com capacidade para gerar 1,12 GW em tempos normais.

O turismo forte na região, pela proximidade com Brasília e Goiânia, está reduzido a zero e até os pescadores artesanais encontram dificuldades.

Por seu turno, o lago de Sobradinho está com apenas 8,94% de sua capacidade, apesar das contínuas reduções na sua vazão. A situação é trágica quando se sabe que com 3% da capacidade o lago entra no volume morte e a vazão ficará restrita apenas a água corrente, muito pouco, apesar de Três Marias estar regulando a vazão do Alto São Francisco, ainda com 30% de sua capacidade de acumulação.

O mais grave é que as chuvas na grande bacia do São Francisco estão previstas para a segunda quinzena de novembro, o que prevê um aumento substancial de vazão para o fim de dezembro. Imagem de Minervino Junior/CB/D.A Press. Dados do Operador Nacional do Sistema e do Correio Braziliense, editados por O Expresso.

18/08/2017

728x90

GIF_728x90px

 

350031

buriti

marabá 52

 

 

Conversa Afiada: Lula ganha até em Higienópolis, onde FHC mora

17/08/2017