Pular para o conteúdo

Trigo do tipo mexicano avança em lavouras no Nordeste.

07/05/2021

Embrapa: Novos materiais de trigo irrigado para o Cerrado

As pesquisas sobre o cultivo do trigo seguem avançando pelo Nordeste brasileiro com testes acontecendo no Ceará, Piauí e Maranhão verificando possibilidades de cultivares diversas e lavouras irrigadas por pivô central, gotejamento e de sequeiro.

Segundo o pesquisador e diretor de pesquisa e desenvolvimento da empresa Semevinea, Márcio Só, a região tem características próprias como temperaturas entre 28 e 38 °C e muito vento. Assim, foram utilizadas cultivares mexicanas que estão acostumadas ao deserto e se adaptaram muito bem ao Nordeste.

O pesquisador relata que os resultados obtidos até aqui surpreenderam positivamente com produções entre 5 e 6 toneladas em cultivares de 75 dias a 90 dias. Os trabalhos devem seguir nos próximos anos testando cultivares e condições diferentes.

Só ainda destaca que, no curto/médio prazo a região deve ter cultivo comercial de trigo já as produtividades têm sido boas e o Nordeste possui diversos moinhos aptos a absorver essa nova oferta.

No Oeste baiano, sob pivô central, tem se registrado produtividades de 150 a 180 sacas por hectare. O trigo produzido é do tipo “grano duro”, especial para massas de qualidade refinada.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: