Pular para o conteúdo

Bolsonaro se afunda em rejeição no Nordeste e no Centro-Oeste.

29/04/2021

A rejeição ao governo Bolsonaro na região Nordeste, segundo maior colégio eleitoral do país, saltou de 62% para 75% em duas semanas, de acordo com Pesquisa PoderData divulgada nesta quarta-feira (28).

A taxa nacional de desaprovação ficou em 57%, semelhante à medição anterior (56%), muito por conta dos resultados apurados nos três estados do Sul.

No Sudeste ela permaneceu igual, no Centro-Oeste cresceu e, no Norte, diminuiu. Os percentuais de aprovação, 35%, e de quem não soube responder, 8%, também ficaram estáveis.

Entre os eleitores do Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, a rejeição ao governo Bolsonaro caiu de 49% para 36%.

Em São Paulo, Minas, Rio de Janeiro e Espírito Santo, região com o maior número de votantes do país, a taxa se repetiu: 56%.

No Norte caiu de 47% para 41% e no Centro-Oeste a rejeição passou de 62% para 67%.

O levantamento foi realizado entre 26 a 28 de abril com 2,5 mil entrevistados em 482 municípios de todas as 27 unidades da federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

A avaliação específica do presidente como ruim ou péssimo também disparou no Nordeste, saltando de 53% para 62%. Neste ponto, houve crescimento no Sul, apesar de tímido: de 38% para 41%.

Nas outras três regiões a avaliação recuou, com destaque para o Norte, de 58% para 38%. No Sudeste foi de 58% para 51% e no Centro-Oeste de 59% para 55%.

No geral, 51% consideram o trabalho de Bolsonaro ruim ou péssimo contra 55% de duas semanas atrás. Outros 26% consideram ótimo ou bom, mesma fatia do levantamento anterior, e 19% apontaram como regular, apenas 1 ponto percentual acima. O “não sabem” foi de 1% para 4%.

One Comment leave one →
  1. jose de oliveira permalink
    30/04/2021 23:09

    Tarde demais para arrepender, mesmo que esse cidadão não consiga se reeleger no próximo ano, a desastrosa administração dele nesse período 2019/2022, produzirá efeitos danosos por muitas décadas. O mal deveria ter sido eliminado no nascedouro, no canteiro, nas eleições de 2018.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: