Pular para o conteúdo

Feijão pressiona mercado e o Preto dispara no Sul.

25/11/2020

Feijão preto: superando os preços do carioca.

Os empacotadores de feijão do País estão fortemente pressionados por novas altas no feijão. Fato curioso é que o feijão preto, produzido e consumido com mais intensidade nos três estados do Sul, tenha ultrapassado o preço do feijão carioca no mercado atacadista de São Paulo.

Enquanto o Carioca de melhor qualidade atinge R$290,00 a saca de 60 kg, o Preto ultrapassou e vale R$335,00. A explicação na alta do Preto, muito consumido também no Rio de Janeiro, está na seca que atinge os estados do Sul. As lavouras plantadas na saída do inverno, em setembro, foram frustradas pela deficiência hídrica.

Na Bolsinha, em São Paulo, o mercado nesta quarta-feira recebeu novas entradas que se somaram com as sobras do dia anterior. Foram ofertadas 7,6 mil sacas e foram negociadas aproximadamente 38 % do total, restando até as 6h37 a quantidade de 4,7 mil sacas. O mercado permanece firme. Hoje as entradas foram reduzidas, levando-se em conta o dia da semana, e as vendas deixaram a desejar.

No Oeste baiano, ontem, o feijão disponível era comercializado a R$245,00 a saca.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: