Pular para o conteúdo

O Sinistro da Educação recua e pede desculpas por homofobia explícita

26/09/2020

O indivíduo sabe ser antipático e provocador. Como o seu chefe, Jajá Maçaroca, os filhotes rachadores do dinheiro vivo e o seu antecessor, o fascista foragido Vemtrauma. Da maneira que relatam milhares de gays, quem muito se preocupa com homossexualismo são apenas pessoas que estão preocupadas em sair do armário. Na realidade, o indigitado Sinistro já passou do peso e da idade. Mas quem sabe não tem uma chance? 

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, recuou após atacar a população LBGT, dizendo que gays vêm de famílias desajustadas, e correr o risco de ser processado pelo crime de homofobia. Em nota divulgada neste sábado, ele disse que sua fala foi descontextualizada e pediu desculpas a quem se sentiu ofendido.

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, divulgou nota neste sábado (26) dizendo que teve uma fala “interpretada de modo descontextualizado” em matéria veiculada no jornal O Estado de São Paulo na última semana.

O vice-procurador-geral da República, Humberto Jacques de Medeiros, pediu ao Supremo Tribunal Federal abertura de um inquérito contra o ministro da Educação, Milton Ribeiro, por homofobia, após declarações dadas em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo.

Além de eximir a pasta de responsabilidades sobre a volta às aulas no País, de maneira atabalhoada, ele atribuiu a homossexualidade de jovens a “famílias desajustadas”.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: