Pular para o conteúdo

Balsas está se tornando principal fornecedor de milho ao Nordeste

20/05/2020

As chuvas intensas na região Norte do País tem ajudado a uma boa previsão de colheita do milho na região de Balsas, Maranhão. O plantio do milho encontrou dificuldades no período de semear, em virtude do regime de chuvas, perdendo a melhor janela. No entanto, a produção se apresenta em bom estágio de florescimento e enchimento do grão, prevendo uma colheita farta.

Distante de Caruaru, no agreste pernambucano, um dos centros produtores de frango, cerca de 1.400 km (100 km mais próximo que Luís Eduardo Magalhães), a produção de milho maranhense deve se tornar um dos principais fornecedores dos aviários da região.

Segundo o produtor rural Valério Mattei, entrevistado pelo Notícias Agrícolas, o regime de chuvas se normalizou e a expectativa é de alta produtividade, especialmente para primeiras as áreas que foram cultivadas e devem produzir acima de 100 sacas por hectare.

Mattei destaca ainda que os produtores da região aproveitam os preços entre 35 e 45 reais para vender o milho ao mercado interno, que abastece as granjas de frango do Nordeste, mas apostam mesmo são nas exportações que conseguem pagar ainda mais e garantir rentabilidade na safra.

Balsas está localizada a apenas 266 km do pólo logístico de Estreito, no mesmo estado do Maranhão, o que importa que as cotações da soja nesta região sejam melhores que em Luís Eduardo Magalhães.

Hoje, a soja estava cotada em Balsas a R$100,50 a saca, enquanto a AIBA apontava a soja balcão em R$85,00 em LEM.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: