Pular para o conteúdo

LEM: Unidade de Controle do Covid-19 não atende paciente com fortes sintomas.

23/04/2020

Hospital de Campanha, ou Unidade de Controle do COVID-19, não está funcionando, apesar da decoração farta e da propaganda de Oziel Oliveira. Era cilada!

Um cidadão de Luís Eduardo Magalhães entrou, esta semana, em contato com a redação do Blog do Sigi Vilares para reclamar da falta de atendimento adequado para suspeitos de COVID-19 no município. O cidadão relatou que a ex-esposa esta com suspeita de ter contraído o vírus e que a mesma está em casa em isolamento há três dias.

“Fomos orientados para que ela ficasse em casa e caso não melhorasse ela deveria comparecer até o Hospital de Campanha, ao lado da UPA. Solicitamos então da secretaria de saúde um veículo para que ela fosse levada para o local para ser melhor avaliada, atendida. No primeiro momento não souberam informar se tinha ou não um carro para levar a paciente. No segundo momento, eles pediram para solicitar o SAMU, ligamos no 192 e nos informaram que o SAMU não podia levar, pois só trabalha com extrema necessidade.”

“Ontem à noite disseram que os sintomas persistirem que procurasse a unidade de saúde. Meu questionamento é que essa pessoa vai sair do isolamento, que vai levar ela não vai ser uma pessoa preparada, vai correr o risco de se contaminar e vai ter que entrar também em isolamento. Minha revolta é que a prefeitura diz que construiu um hospital de campanha para receber esses pacientes e não tem um carro, uma equipe preparada para buscar esses pacientes”, desabafou o cidadão

Ele conta, ainda, que tem um filho com a ex-esposa e que não vai botar a saúde dele em risco:

“Tenho um filho com ela. Não vou pegar ela e botar no carro e levar para a unidade. E o risco de contaminação? Meu filho tem quatro anos, meu pai tem 62, minha mãe tem 54. Eu posso pegar esse vírus e levar pra eles”.

A redação do Blog do Sigi Vilares entrou em contato com o secretário de saúde do município, Felipe Melhlem, que informou que “cobrou o médico da tele consulta e que o município não tem condições de pegar ninguém com suspeitas para levar em uma unidade sem controle. O secretário disse ainda que a paciente foi orientada totalmente pelo médico da tele consulta.

Indagada por nossa reportagem a cerca do Hospital de Campanha, o secretário disse que a unidade ainda não está pronta.

“Estamos finalizando, ele ainda não está 100% pronto e não temos veículo pra pegar todos com suspeita. Esse Hospital de Campanha vai ser uma unidade específica de referência pra atender os pacientes que vêm de outras unidades de saúde e da UPA”, encerrou ele.

O cidadão disse estar decepcionado com a atenção dada a paciente:

“Em LEM, quem estiver com esse vírus morre em casa, sem nenhuma assistência, sem direito a atendimento médico na unidade de saúde. Uma vergonha! Deixo aqui o meu protesto com o descaso da nossa saúde. Hoje pela manhã eu liguei pra ela e ela estava com muita febre, muito mal. O que a prefeitura de LEM vai fazer? Nada?!”, indagou ele.

Fonte:Blog do Sigi Vilares

One Comment leave one →
  1. silvano leal neto permalink
    23/04/2020 6:37

    Bom dia, e fizeram o que combo dinheiro que receberam? Respondam, não sejam omissos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: