Pular para o conteúdo

Presidente resolve mandar o nazistão juntar as trouxas e partir.

17/01/2020

O presidente Jair Bolsonaro decidiu demitir o secretário de Cultura, Roberto Alvim, após vídeo em que faz referências ao nazismo. A publicação foi feita na manhã desta quinta-feira e gerou polêmica e indignação.

Fontes próximas ao presidente afirmam que a situação do secretário ficou insustentável, e o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, já teria sido comunicado da decisão tomada pela cúpula do governo bolsonarista. Aliados no Congresso também já teriam sido avisados.

O trecho copiado diz: “A arte alemã da próxima década será heroica, será ferreamente romântica, será objetiva e livre de sentimentalismo, será nacional com grande páthos e igualmente imperativa e vinculante, ou então não será nada”.

Já o discurso de Roberto Alvim afirma: “A arte brasileira da próxima década será heroica e será nacional. Será dotada de grande capacidade de envolvimento emocional e será igualmente imperativa, posto que profundamente vinculada às aspirações urgentes de nosso povo, ou então não será nada”.

One Comment leave one →
  1. silvano leal neto permalink
    17/01/2020 12:11

    Boa viagem.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: