Pular para o conteúdo

Guaidó não descarta intervenção militar estrangeira para tirar Maduro do poder

10/02/2019

Em entrevista à agência AFP, o mandatário da Assembleia Nacional disse que fará “tudo o que for possível” e que esse é um tema “muito polêmico”. “Mas, fazendo uso de nossa soberania, do exercício de nossas competências, faremos tudo o que temos de fazer de maneira soberana e autônoma para colocar fim à usurpação”, disse.

Ele respondia a uma pergunta sobre uma eventual autorização para uma intervenção militar estrangeira na Venezuela. Segundo a Reuters, os Estados Unidos mantêm contatos diretos com membros do regime e do Exército venezuelano para convencê-los a abandonar Maduro.

Neste fim de semana, um coronel, Ruben Paz Jiménez, desertou e reconheceu Guaidó como presidente, pedindo para as Forças Armadas permitirem a entrada de ajuda humanitária no país.    Maduro, no entanto, ainda possui amplo apoio entre os militares.(ANSA)

A Venezuela reforçou o efetivo militar nas fronteiras do Brasil e da Colômbia.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: