Pular para o conteúdo

Começou a temporada de caça nos morros do Rio. 14 mortes após incursão da PM

09/02/2019

Leia na Folha:
Ao menos 14 pessoas foram mortas nesta sexta-feira (8) durante operação da Polícia Militar no morro do Fallet, centro do Rio de Janeiro. A corporação afirma que todos foram mortos em confronto com a polícia.

Já moradores da favela dizem que os policiais atiraram mesmo após a rendição dos suspeitos. A ação, que também ocorreu nas favelas da Coroa e Fogueteiro, reuniu o Bope (Batalhão de Operações Especiais) e o Batalhão de Choque e começou, segundo a PM, após uma série de confrontos entre as quadrilhas das três comunidades.

A secretaria municipal de saúde informou que 16 suspeitos deram entrada no hospital municipal Souza Aguiar. Segundo a pasta, 13 chegaram sem vida ao local, um morreu no CTI e outros dois permanecem na unidade.

No morro dos Prazeres, mais dois suspeitos foram encontrados feridos e levados para a mesma unidade. Ainda segundo a PM, os policiais do choque foram recebidos a tiros no Fallet, dando início ao confronto —não há informação de agentes feridos ou mortos.

Moradores dizem que os policiais atiraram mesmo após a rendição dos suspeitos. A reportagem conversou com uma mulher que teve um filho e um sobrinho mortos na operação e que não quis se identificar, com medo de represálias.

“Já entraram três vezes na minha casa”, disse. De acordo com ela, os suspeitos foram rendidos dentro de uma casa e mortos em seguida. “Eles perguntaram: ‘não vão fazer nada?’. E os policiais disseram que não”, afirmou.

Segundo o relato, quando seu filho virou-se de costas para negociar a rendição com o grupo, agentes atiraram contra ele. “Deram um tiro nas costas. Furaram meu filho todo. Não me respeitaram em momento nenhum, nem meu filho de oito anos. Falou na cara do meu filho: ‘bem feito’.

O relato é do jornalista Reynaldo Azevedo, na Rede TV.

Veja abaixo vídeo do The Intercept Brasil:

4 Comentários leave one →
  1. Zé da Luz permalink
    09/02/2019 18:37

    Iniciando a limpeza…
    Nenhum policial morto ou ferido. Competência!

  2. Lobo permalink
    09/02/2019 23:20

    Começa exatamente desse jeito, logo, logo, o cidadão de frente pode encontrar um desses pela frente e virar estatística. Continuem defendendo que agentes da lei passem por cima da mesma lei que deveriam defender, entre os muitos resultados disso temos os esquadrões da morte e as milícias.

  3. Lobo permalink
    09/02/2019 23:21

    “cidadão de bem”

  4. Zé da Luz permalink
    10/02/2019 10:32

    Obrigado!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: