Pular para o conteúdo

Dez anos antes de ser presidente, Lula já rezava pela fé de Roberto Marinho.

22/01/2019

O momento da euforia entrou, em 21 dias, na fase da negação. Ao menos é o que dá pra sentir entre eleitores mais esclarecidos, que nos meses de campanha e logo após a vitória estrondosa de Jair Bolsonaro enlouqueciam replicando memes, textos e coisinhas graciosas sobre os seus oponentes.

Hoje já não se toca mais no nome e entredentes alguns Minions apenas dizem que a coisa de fato começou mal. Se entende muito pouco do “loqueteio” que está tomando conta do Governo.

Em um dia pela manhã, uma afirmação bombástica; à tarde, uma contestação de um companheiro de governo; à noite o desmentido.

No meu entendimento, Bolsonaro não conseguirá baixar a poeira desta gestão. Pelo contrário, vai virar um presidente honorífico, refém dos militares de alto coturno do Governo.

Eles mandarão em suas respectivas áreas e Bolsonaro, mais comedido na falação, apenas usará a Bic de Tampa Azul para assinar as decisões do povo de farda.

Em 1992, dez anos antes de sua eleição à Presidência, Lula já visitava o poderoso Roberto Marinho. E em 2017 voltou a visitar o filho de mesmo nome. Bolsonaro resolveu brigar com a Globo. E vai chorar lágrimas de sangue por não reconhecer o poder da Mídia no esclarecimento da população.

Ele optou por redes de TV que, somadas, não tem 1/3 da audiência da Globo. E vai pagar pela sua má escolha.

E o massacre recém começou, com as cagadas homéricas do futuro senador da República, Flávio Bolsonaro, que agora deu de chorar em público e cinicamente enxugar as lágrimas com a bandeira nacional.

4 Comentários leave one →
  1. Zé da Luz permalink
    22/01/2019 16:42

    Era o que muitos de nós pedíamos:
    INTERVENÇÃO MILITAR!
    Aconteceu…

    • Lobo permalink
      22/01/2019 18:30

      Na Venezuela também com o Coronel Hugo Chaves e as Forças Armadas daquele pobre país.

  2. jose de oliveira permalink
    22/01/2019 21:58

    E você acha que intervenção militar é boa coisa seu tolo ?

  3. jose de oliveira permalink
    22/01/2019 22:07

    A eleição do atual presidente está para o Brasil assim como o Brexit está para o Reino Unido, ambos só produziu decepções para quem apostou neles,a diferença consiste no fato de que o Brexit ainda pode dar certo, duvido mas é possível, quanto ao atual presidente do pais não tenho dúvidas que será um fracasso do inicio ao fim, se chegar ao fim, é a máxima da logica, o que começa errado não tem a menor chance de se conduzir e terminar bem.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: