Pular para o conteúdo

Então, Átila, rei dos hunos, chega às portas de Roma

12/10/2018

O exterminador de petistas

Sempre é tempo de um incendiário maníaco se transformar em bombeiro. Para o candidato do PSL, Jair Messias Bolsonaro, agora é tempo de afirmar que os negros e nordestinos “são nossos irmãozinhos”, já não fala mais em gays e lésbicas e até está evitando chamar os petistas de comunistas.

Mas temo que agora seja tarde. Ele já soltou os demônios dos malucos que se identificam com ele e a caçada aos opositores está em franco desenvolvimento. Ontem, o carro de Fernando Haddad foi fechado no trânsito,  o candidato ouviu impropérios de toda sorte e ameaças não muito veladas. 

Bolsonaro diz que não pode ser responsabilizado pelos ataques. Mas é claro que isso nos reporta aos primeiros dias da ascensão de Mussolini na Itália e de Hitler na Alemanha. As milícias de Mussolini levavam seus desafetos para locais de interrogatório, humilhavam, batiam e lhes forneciam uma superdose de óleo de rícino. Eles voltavam para casa cagados e apupados pelas ruas.

As milícias de Hitler quebravam as vitrines das lojas dos judeus, batiam neles por qualquer motivo na rua e acabaram transformando 6 milhões em cinzas em centenas de campos de concentração. 

É hora também de lembrar:

Na noite em que Jesus foi traído e preso, um de seus discípulos o defendeu usando uma espada. Jesus ordenou-lhe:

“Devolve a espada ao seu lugar, pois todos os que tomarem a espada perecerão pela espada.” – Mateus 26:52.

O monstro, ainda candidato, está lançado o País nos primórdios de uma convulsão social. Imagine o que fará depois de tomar posse.

Bolsonaro vai chorar na propaganda

O programa eleitoral de Jair Bolsonaro (PSL) estreará nesta sexta-feira (12) com um discurso antipetista e uma homenagem às mulheres. No vídeo de cinco minutos, Bolsonaro vai aparecer chorando ao falar da sua mulher atual, Michelle de Paula Firmo. Eles são casados desde 2013.

De acordo com um integrante da equipe de campanha, ele vai abordar o fato de Michelle ser “mãe solteira” antes de se casar com o capitão reformado. Ela tem duas filhas. A mais nova, Laura, 7, com Bolsonaro. No final, ele vai aparecer nos braços dos eleitores em imagens registradas nas ruas na fase inicial da campanha.

2 Comentários leave one →
  1. Zé da Luz permalink
    12/10/2018 15:01

    Muito bem feita a propaganda.
    Precisamos mostrar a corrupção do PT para salvar o Brasil.
    Brasil acima de tudo, Deus acima de todos!

  2. Lobo permalink
    12/10/2018 18:49

    Não sei se é total cegueira ou adoração messiânica? Defenderão o direito de se jogarem no abismo, qualquer que seja o argumento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: