Skip to content

Crise nos transportes: cobertor está curto e todos reclamam das concessões de Temer aos caminhoneiros.

07/06/2018

Foto de Junior Ferrari

Conquistas dos caminhoneiros estão muito perto de desaparecer.

A grave crise que culminou com a greve dos transportadores ainda não terminou.

O agronegócio reclama do preço dos fretes, que “inviabilizaria” a exportação; os estados reclamam da diminuição de arrecadação; o Governo tem dificuldades para fiscalizar os preços do diesel nas bombas; a Petrobras afirma que continuará seguindo os preços internacionais nos combustíveis; importadores de óleo diesel dizem que os preços podem não ser atrativos para importação e por isso pode faltar o combustível em 30 dias; a indústria diz que o tabelamento dos fretes é atraso de 30 anos. Enfim, todos choram suas mágoas e o consumidor, na ponta do processo, já se prepara para pagar mais pelos produtos que chegam à sua cidade via rodoviária.

No setor empresarial, por exemplo, há forte reação contra a tabela de frete mínimo. Nesta quarta (6), a Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) avisou que vai recorrer à Justiça, por meio de um mandado de segurança, para impedir o tabelamento do frete rodoviário.

“Independentemente de qualquer coisa, por princípios, somos contra o tabelamento de preços, que fere a lei de competitividade do mercado. Estamos retornando a um país de 30 anos atrás”, afirmou José Ricardo Roriz Coelho, que assumiu nesta quarta-feira (6) a presidência da Fiesp.

O Canal Rural afirma que indefinição sobre frete trava negociação de soja no Brasil 
No Oeste baiano, apesar de mais de 70% da soja ter sido comercializada, metade da safra ainda não foi escoada. Bunge e Cargil não conseguem calcular frete e aguardam mudanças na cobrança.

Isso quer dizer: nesta guerra de preços de combustíveis e fretes, só temos vítimas. Os franco atiradores, os snipers não aparecem aos olhos dos comuns mortais.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: