Pular para o conteúdo

Brasília está bebendo água do Lago Paranoá, onde os esgotos são lançados.

15/01/2018

RAFAELA FELICCIANO /METRÓPOLES

O Governo do DF inaugurou um moderno sistema de recalque de água do Lago Paranoá para abastecer todo o Plano Piloto com água “potável”.

Então agora os brasilienses beberão da mesma água onde é jogado o esgoto do Plano. Já surgiram casos de gastroenterite no Lago Norte, o primeiro a receber a água.

O Governo garante que a água não possui bactérias e que o tratamento dos esgotos e da água evita qualquer tipo de contaminação.

Quando conheci Brasília, em 1980, o plano tinha 400 mil habitantes e o complexo Ceilândia/Taguatinga não passava de 300 mil. Hoje a população do DF ultrapassa 3 milhões de habitantes e continua crescendo a taxas maiores que 2%. É óbvio que os recursos naturais da Capital não seriam suficientes para tal expansão. 

Acabou-se a doce Capital das árvores frondosas e das tardes mornas. Hoje Brasília, com suas largas avenidas, é vítima de engarrafamentos, de crescimento da violência e de uma saúde pública que, de exemplar, passou para caótica. 

13 Comentários leave one →
  1. Nativo Brasiliense permalink
    15/01/2018 16:20

    Com todo respeito, até 1987, Brasília era uma cidade EXEMPLO. Depois que inventaram dar o famoso título de Patrimônio Histérico (ops Histórico) da Humanidade. De HUMANA a cidade não tem nada, pois tombaram apenas o CONCRETO, agora esqueceram de tombar o principal, o VERDE. E fora, esqueceram a ESCALA HUMANA como a PRINCIPAL ESCALA de uma cidade VIVA. Só reparar, que depois de 1987, todos os indices pioraram. E não tem nada haver com aumento populacional. O comentário acima, inventando que os pobres aqueles que mau consome 200 litros de água por mês são culpados pela crise hídrica. Os culpados são justamente os pseudos protetores do meio-ambiente e tombamento. A quase 15 anos tenta-se aprovar um plano diretor na cidade, mas os ricos, aqueles que consome 1.000 litros de água, e não saciados, tem poços artesianos e ainda mais roubam água do Lago, insistem na tese. O TOMBAMENTO ACIMA DE tudo, mas eles próprios são os maiores algozes do meio-ambiente e tombamento. Cadê o IPHAN e MP nessas horas.

    • Lobo permalink
      16/01/2018 21:30

      Nunca vi tantas bobagens em tão poucas linhas. O problema de Brasília têm variadas razões, mas um dos principais foi a chegada ao poder de um político (RORIZ) que com sua política rasteira alimentou a ocupação de áreas públicas que logo eram regularizadas, surgindo assi. em pouquíssimos anos uma séries de assentamentos, alguns quase favelas em seus inícios, como Samambaia, Santa Maria, Recanto das Emas, Estrutural, Itapoã, Arapoanga. Quantas pessoas não se deslocaram para o DF aconselhadas por parentes que já moravam lá, apenas com o desejo de também ganhar seu lote? Muitas certamente. Isso sem contar a grilagm de áreas rurais retalhadas em lotes e vendidas. Muitos enriqueceram com isso.
      Também se fechou os olhos às ocupações no entorno, convenientemente toleradas pelos políticos do DF e Goiás, e lá surgiram absurdos como a cidade de Águas Lindas, antes um minúsculo amontoado de poucas casas, e hoje um aglomerado descontrolado colado na Barragem do Descoberto, o principal reservatório de água do DF.
      Ainda bem que ainda temos o tombamentos, muito, muito desrespeitado, mas sem ele a cidade já teria sido estuprada pelos aproveitadores, políticos sem compromisso com a população e a ganância imobiliária.

      • Nativo Brasiliense permalink
        17/01/2018 11:29

        Com certeza um apoiador do APARTHEID BRASILIENSE. Com todo respeito, o problema é bem mais antigo meu senhor. Quando José inventou levantar o MURO, uma forma singela de fazer uma HIGIENIZAÇÃO DA CAPITAL FEDERAL, com pseudo TOMBAMENTO DA CIDADE, foi a forma de FARRER OS POBRES para longe da área tombada. E não se iluda, a filha de LUCIO COSTA foi uma das principais defensoras de RORIZ. Não adianta, pode fazer mimimi, a cidade se tornou mais HUMANA por ter mais GENTE. Pois se continuasse daquela forma, seria mais artificial ainda. Tudo era artificial. Saúde, Educação, Mobilidade, Habitação. Agora falar do entorno do DF. Pensou no que, que aqui seria uma ILHA e que ninguém iria vir morar em Brasília e trabalhar aqui. E te prepare, logo logo aqui vai virar uma cidade maior do que o RIO DE JANEIRO em pouco tempo.

  2. Lobo permalink
    17/01/2018 12:17

    Direito a moradia de qualidade é diferente de apoiar e incentivar que os menos favorecidos da sociedade se contente em morar em favelas. Percebeu a diferença? Talvez quisessem favelizar todo o DF.
    E se prestasse um pouco no que escrevi teria percebido que não apontei apenas os erros e foram muitos praticados por políticos e as populações que invadiram e muitos especularam com lotes ganhos. Falei também da especulação das grilagens da classe média e alta em conluio com grileiros que transformaram terras rurais em condomínios.
    É muito fácil tentar separar a população de ricos culpados e pobres inocentes. Nessa questão todos têm sua parte de culpa, ou será que as várias nascentes, córregos e riachos devastados são culpa do tombamento? Viva o tombamento e que suas imperfeições sejam corrigidas, defender o contrário é tentar tranformar Brasília em mais umas das inúmeras capitais brasileiras (sem nenhum tombamento) que se transformaram em monstros doentes. A própria capital da Bahia é bom exemplo disso, completamente desfigurada e o pouco que ainda resta vai sendo destruído, vide o famoso prédio que derrubou o Gedel. Na sua opinião o mostrengo deveria ter sido construído?
    Defender a ocupação desordenada do espaço urbano da capital e de seu entorno é que gerará um novo Rio de janeiro, ou melhor, ele já está lá no entorno, apenas em um tamanho ainda pequeno. Achar que pessoas de baixa renda não tem direito a cidades e bairros decentes, com escolas, saúde e até empregos é estranho, defender o contrário disso é muito estranho.

    • Nativo Brasiliense permalink
      17/01/2018 16:50

      Quem defende é justamente LUCIO COSTA. quanto tempo mora em BRASÍLIA. Eu não moro em BRASÍLIA, eu VIVO EM BRASÍLIA, nasci aqui, e vi muito bem o que o TOMBAMENTO foi uma forma sutil de higienizar a cidade. E voltando ao LUCIO COSTA, ele mesmo, o PAI do plano piloto foi taxativo. Que ele não queria que a cidade crescesse horizontalmente, como inclusive, que não queria que as superquadras fossem até replicadas por todo DF. Detalhe em 1977, durante o PEOT, da qual o próprio junto com Oscar Niemeyer definiu aonde a cidade poderia crescer. Inclusive dando conta das determinantes ambientais e hídricas. Mas sabemos que nessa data, já o estudo justificava até a VERTICALIZAÇÃO das cidades satélites, bem como implantação de trem ou metrô fora a zona azul nos estacionamentos do Plano Piloto. Detalhe em 1977, Roriz sequer sonhava ser Governador. Só que o povo tem memória curta, mas a família RORIZ é proprietária de grande parte das Terras do DF. As pessoas tem memória curta, parece que esqueceram que ele foi CAPATAZ do Lucio Costa e Oscar Niemeyer. Detalhe em 1977, já se previa todos os assentamentos, inclusive até ÁGUAS CLARAS I, AGUAS CLARAS II (VICENTE PIRES) E ÁGUAS CLARAS III (ARNIQUEIRAS).

  3. Lobo permalink
    17/01/2018 19:46

    Para quem diz que nasceu e vive em Brasília percebi várias informações muito erradas.

    A família Roriz como atual proprietária da maioria das terras do DF? Está sabendo muito mesmo hein? Higienização, tá bom!?!? Nunca ouvi falar em Águas Claras II e III e ninguém que mora ou nasceu no DF também. Vicente Pires e Arniqueiras eram terras rurais que tiveram a maioria de suas pequenas chácaras loteadas por especuladores e ainda hoje estão em processo regularização. Já a real Águas Claras foi nasceu como um projeto para ocupa um grande vazio existente entre Taguatinga e o Guará de forma a viabilizar a então construção do metrô, além de ofertar alternativa à classe média de novas moradias.
    Recomendo se informar melhor e ele o estudo Brasília Revisitada, produzido em 1985, , esse sim com previsão da expansão do Plano Piloto com Sudoeste, Noroeste e Taquari e ao contrário do que afirma com sugestões para buscar aproximar a população de menor renda da cidade.

    • Nativo Brasiliense permalink
      18/01/2018 0:27

      Eu que te recomendo procurar se inteirar mais, ainda mais que conhece o PEOT 1977? Com certeza não conhece.

  4. Lobo permalink
    17/01/2018 19:54

    Esse mesmo estudo previa a preservaçào da região da futura barragem do São Bartolomeu. Se essa barragem existisse a crise hídrica não estaria acontecendo. Atualmente o que existe no local são algumas das invasões alimentadas pela politicagem rorizista e os condomínios bacanas em terras públicas. Mas a culpa é do tombamento.

    • Nativo Brasiliense permalink
      18/01/2018 0:33

      Pior que a culpa é sim do TOMBAMENTO, se preocuparam com o CONCRETO e esqueceram o VERDE. Se você é esperto, vamos lá, quem era o maior OPOSITOR do TOMBAMENTO…. Que inclusive foi xingado, defenestrado por n entidades representativas de BRASÍLIA… Se a memória é falha. NADA MENOS QUE OSCAR NIEMEYER. Falou com todas a palavras. O tombamento de uma cidade jovem, por espaços para se completar. Praticamente colocaram uma camisa de força numa criança. Mas cedo ou tarde, e isso vai acontecer, essa camisa vai se tornar INSUSTENTÁVEL. Pior que nem precisou demorar muito para que isso ocorra. Tombamento é defendendo apenas por uma minoria da elite rica brasiliense. Quando um verdadeiro GOVERNADOR com apoio da VERDADE SOCIEDADE BRASILIENSE, se fosse ele, o primeiro ato seria DESTOMBAR A CIDADE. Pois tudo na cidade agride o tombamento. O povo esquecem muito bem de uma coisa, o título de patrimônio histórico foi uma imposição, adivinha porque? Vai sonhando que o governador biônico chamado JOSÉ APARECIDO, praticamente decretou a morte da CAPITAL FEDERAL. Pior será, querem limitar o tamanho da cidade fora também se pudessem até tombariam a RIDE. O problema maior foi inventar proteger algo e esquecer outro. Sabia que na Ponte Alta tem prevista um novo lago? Ahhhhhhh nem sabia disso né.

    • Nativo Brasiliense permalink
      18/01/2018 0:40

      E se continuar não acreditando. Dê uma olhadinha nisso aqui… http://repositorio.unb.br/bitstream/10482/15818/1/2014_PauloHenriqueSilvaSantarem.pdf

  5. Nativo Brasiliense permalink
    18/01/2018 0:39

    E eu me esqueci também que você desconhece mesmo história de Brasília, nem sabe que os assentamentos propostos pelo tal Roriz, ganhou até prêmios da própria UNESCO, aquela que inventou o Título de Patrimônio Histórico da Humanidade. Sabia que tais assentamentos, seguem a risca o que o PEOT 1977 definiu? Áreas definidas para as classe alta (mansões), classe médica (apartamentos) e classe baixa (casas). Só alguém que não conhece isso não sabe. Daqui a pouco vai falar que Águas Claras foi projetada para ser um bairro de Taguatinga. Com certeza precisa pesquisar um pouco mais. Outro ponto, se você afirma que não existe isso que o tombamento de Brasília não higienizou o Plano Piloto. Porque será, que recentemente o IPEA e IBGE foram taxativos. A área tombada é branca e de classe média. Cadê os afrodescendentes e pobres? Preciso desenhar aonde estão eles?

  6. Lobo permalink
    18/01/2018 9:11

    Desisto. Assustador o nível de desconhecimento.
    Vou esperar o grande lago que se formará na Ponte Alta e ir pescar lá. Ah! esqueci não vai ser possível, mesmo que algum maluco quisesse inundar tudo, lá também a especulação imobiliária está destruindo tudo, e olha que a região não é tombada.

    • Nativo Brasiliense permalink
      18/01/2018 17:20

      Pode desistir, se o futuro governador, é o único que tem poder até de DESTOMBAR reduzir áreas de APP e tal for eleito, e ele será. Nossa vai ter muita gente mimimi em Brasília. Melhor ir mudando para outro local. A cidade se tornou real, pois era artificial justamente pela falta de POVO, MORADOR, GENTE, HUMANIDADE.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: