Pular para o conteúdo

Madame Almerinda agora assessora Oziel no trâmite de documentos.

01/09/2017

 

Tela do SIGA em 28 de março e abaixo, com o buraco, onde o Contratão seria inserido se não fosse forçada a rescisão

Neste feito que passo a relatar, tenho certeza que Madame Almerinda, a mãe de todos os mistérios, usou de seus atributos do além.

Pois vejam bem as imagens e depois me contem o que acharam.

Na página do SIGA – Sistema Integrado de Gestão e Auditoria do Tribunal de Contas dos Municípios, onde ficam registrados os contratos efetuados por Prefeituras e Câmaras Municipais, esta dedicada à Prefeitura Municipal de Luís Eduardo Magalhães, de repente, não mais que de repente, sumiu um contrato.  

Onde antes estava um contrato de inexigibilidade de R$22 mil, de pouca importância, surgiu um buraco, no final de julho, logo depois que surgiram os boatos da denúncia dos vereadores sobre o malfadado “Contratão”.

Esse contrato, Oziel Oliveira assinou às escondidas com um escritório de Salvador, para pagar R$ 9.994.000,00 de honorários advocatícios sobre uma ação nos precatórios do FUNDEF.

Os contratos pulam de número 007 para número 009, deixando uma vaga para eventualmente colocar o “Contratão” no buraco, se fosse possível e necessário.

Como as denúncias dos vereadores foram precisas e contundentes, não ficou de bom tom inserir no buraco o contrato espúrio.

As suspeitas recaem sobre Madame Almerinda porque ninguém sabe como foi realizada essa alteração no Sistema Siga, já que poucas pessoas tem a senha para realizar tais incursões com data retroativa.

Madame deve ser processada e corre o risco de perder sua inscrição na CBBB – Confederação Brasileira das Bruxas Bandidas.

Pior que vai sobrar para Oziel também:

Primeiro pela tentativa de colocar naquele buraco do SIGA o “Contratão”, para demonstrar que publicou o documento que poderia tirar quase R$10 milhões das escolas e professores de LEM;

Segundo, pela tentativa de negar que fez o contrato, seguida da afirmação, em nota oficial, que rescindiu o contrato.

Para bom entendedor Oziel revogou um contrato que não existia e ainda tentou publicá-lo no SIGA, para tornar legal aquilo que foi assinado às escondidas.

Quem acabou abrindo mão do contrato foi o escritório de Rui Barata, “por não ficar provada a licitude do processo licitatório”.

Abaixo o documento em que é relatada a anulação do contrato nº 008 na relação de inexigibilidades, caracterizado como o “Contratão”. Está assinada pelo prefeito Oziel Oliveira

6 Comentários leave one →
  1. Luis Riccardo permalink
    01/09/2017 18:58

    Só espero que o João Tavares, Diretor de Controle interno de Oziel, não venha disfarçado de Clayton para defender kkkk

    • Batata-inglesa permalink
      01/09/2017 19:56

      Kkkkkk

    • Pedro Paulo permalink
      01/09/2017 20:46

      É verdade kkkkkkkkkkkkk
      Cade o Clayton. Será que ele vai desmentir ? Esse povo é capaz de abrir um processo administrativo contra o Diretor de Controle e colocar a culpa nele pela não publicação.
      Igual fez com os fiscais, acusando um deles pra livrar o pescoço da Secretária do Meio Ambiente.

  2. ANDRE MALTA permalink
    01/09/2017 22:52

    A cada remendo que Oziel faz, piora a situação…. Deus me livre! O que ele confirmou a todos até agora:

    Que assinou o contratão
    Que não teve parecer jurídico
    Que não comunicou ao TCM e nem publicou em Diário Oficial ou em qualquer lugar
    Que seus Secretários e Procurador não sabiam do contrato
    Que o advogado foi quem renunciou e requereu o distrato

    E, por fim, algo ninguém percebeu até agora.

    Dia 02 de agosto ele assinou o distrato.

    Ora, dia 02 foi feriado em Luís Eduardo. Dia do Evangélico

    Ele “assinou” um ato “oficial” em um dia sem expediente.

    Por que?

    Me explica produção…

  3. Luis Riccardo permalink
    02/09/2017 2:51

    Oziel atingiu o grau de Deus
    Tem a onipresença
    Durante o feriado e acompanhando a marcha dos evangélicos o dia todo em LEM, por intermédio de sua providência divina conseguiu estar ao mesmo tempo em Salvador para renunciar do contrato.

    Ave Oziel, ave Oziel, Ave Oziel

  4. Marcelo Rufino permalink
    02/09/2017 8:01

    Nossa
    O Clayton não apareceu kkkk

    Nota da Redação:
    Ele foi passear aquela beleza exótica no show do Wesley Safadão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: