Skip to content

Leão diz que denuncia da Odebrecht é “balela”

18/04/2017

Por Alexandre Galvão, do Bocão News 

Acusado de receber R$ 100 mil em caixa 2 na campanha para deputado federal em 2010 e de, em 2007, oferecer possibilidade de ajudar a interesses da Odebrecht na  Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), o vice-governador da Bahia, João Leão (PP), afirmou que os delatores dizem “balela” em depoimentos. 

“O cara diz que eu, como relator da LDO, ofereci alguma coisa. Primeiro, o que eu ofereci? Ele não diz nada disso. É balela”, garantiu. 

Segundo o vice-governador, há uma estratégia dos delatores: citar diversas pessoas com vistas de diminuir as suas penas. 

“Esses delatores querem botar cada vez mais pessoas nesse bolo para diminuir as penas. Botaram a Lídice, o [ACM] Neto, fulano… botaram uma série de pessoas. Eu e meu filho [o deputado federal Cacá Leão, PP] não temos nada, absolutamente nada a ver com isso”, garantiu. 

Cacá Leão, segundo delações, recebeu R$ 50 mil da empreiteira baiana em 2014. Deste, R$ 30 mil através do setor de propinas da empresa – o Setor de Operações Estruturadas. O restante do dinheiro, R$ 20 mil, foi repassado oficialmente ao PP.

“O caso de caca é tão esdrúxulo. Ele recebeu tudo em caixa 1. Está tudo declarado”, defendeu Leão. 

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: