Skip to content

PF deflagra 2ª fase da Operação Greenfield

08/03/2017

A Polícia Federal deflagrou hoje (8/3) a 2ª fase da Operação Greenfield com o objetivo de investigar esquema de cooptação de testemunhas que poderiam auxiliar as investigações, eventualmente ocultando provas úteis ao esclarecimento dos crimes apurados pela Operação Greenfield.

Cerca de 30 policiais federais cumprem 7 mandados judiciais, sendo 6 de busca e apreensão e 1 de prisão, nos estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul. Todas ações, inclusive o cumprimento de um mandado de prisão temporária, acontecem por determinação do Juiz Vallisney de Souza, titular da 10ª Vara da Justiça Federal no DF.

A investigação aponta que um contrato de R$ 190 milhões entre os dois principais sócios de um dos maiores grupos empresariais investigados pela Greenfield tenha sido empregado para mascarar o suborno a um empresário concorrente para que não revelasse informações.

Há indícios de que o contrato de fornecimento de massa florestal de eucalipto para produção de celulose seja apenas uma forma de recompensar o silêncio de um ex-sócio que poderia auxiliar a investigação.

Em virtude do sigilo judicial que recobre a investigação, a Polícia Federal não pode detalhar as provas recolhidas pelos policiais na Operação Greenfield, tampouco irá realizar entrevista coletiva.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: