Skip to content

O Boticário relança Insensatez, uma fragrância para quem dispensa rótulos

15/02/2017

insensatez_altaCom notas cítricas frescas, ela volta ao portfólio mais atual do que nunca: sem gênero, para agradar homens e mulheres com personalidade, que fazem questão de expressar sua essência

O Boticário acredita que cada um é livre para fazer as suas escolhas e ser quem quiser. E se as pessoas querem cada vez menos rótulos, por que não tirá-los também da fragrância? Pensando nisso, a marca líder em perfumaria no Brasil traz de volta ao seu portfólio Insensatez, uma fragrância cítrica fresca, sem gênero – criada para eles e para elas.

“Insensatez é atemporal e combina notas cítricas e refrescantes com a intensidade da madeira e um pequeno toque floral. Por isso, ela não tem gênero, agrada homens e mulheres”, explica o gerente de Perfumaria do Boticário, Jean Bueno. Segundo o executivo, uma fragrância genderless tem tudo a ver com os jovens de hoje, que não ligam para rótulos e valorizam a sua individualidade. “Olhando para eles, vimos a oportunidade de resgatar a marca Insensatez que tem um discurso mais transgressor. ”

Desde que saiu do portfólio, a marca é uma das mais pedidas pelos consumidores do Boticário, tanto nas redes sociais quanto na Central de Relacionamento com o Consumidor (CRC). “Isso mostra como a fragrância continua contemporânea e conversa muito com o consumidor,” diz Bueno. Ela volta agora convidando o consumidor a fugir dos rótulos, mostrando que insensato é ele tentar ser quem não é.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: