Pular para o conteúdo

Continuamos pagando o pato. Com a inocência de ovelhas indo ao matadouro.

05/11/2016

pato

Só o Governo Federal importa 17 bilhões de dólares por ano de medicamentos. Cerca de 76% da química fina importada pelo Brasil tem patente vencida.

Um arranjo produtivo em qualquer canto do País, com a colaboração de universidades, empreendedores privados e outros setores da vanguarda científica poderiam substituir rapidamente essas importações.

O financiamento viria dos próprios contratos antecipados de compra. Por suborno e propina simples, a ANVISA não permite que se estabeleça uma indústria farmacêutica genuinamente brazuca no País. É a afirmação do pré-candidato à Presidência, Ciro Gomes.

Outra afirmação de Ciro: o prejuízo da conta petróleo é de 25 bilhões de dólares ao ano, só pelo fato de exportar petróleo bruto (a preços vis) e importar derivados. Agora, o chanceler José Serra conseguiu, como tinha prometido na pré-campanha do golpe, entregar o pré-sal e esquartejar a Petrobras. Quer dizer: tudo vai piorar.

E o Brasil segue, impávido colosso, naufragando na ignorância dos brasileiros.

Se vamos colocar todo os representantes do governo do PT na cadeia, por que não continuar botando na cadeia os seus sucessores, que apenas deram continuidade aos crimes de lesa pátria?

Por que pagar 11% de juros à banca, gastando 500 bilhões de reais ao ano dos cofres públicos, quando a economia do resto do mundo está com juros negativos?

A inflação que experimentamos não é de demanda. Os preços estão contidos pela redução do consumo.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: