Skip to content

O resumo da ópera: porque “eles” queriam o golpe

16/08/2016

 

Passam uma geração ou duas e a verdade vai cair no colo do povo.

As grandes potências do mundo querem o petróleo do pré-sal, inviabilizando a economia russa, derrubando Maduro e a maior reserva de petróleo do mundo na Venezuela, derrubando Dilma e as reservas de mercado da Petrobras e, principalmente, inviabilizando os países dos BRICs – Brasil, Rússia, Índia e China, que estavam a ponto de criar um novo acordo de Bretton Woods*, criando uma nova moeda paralela ao dólar.

Então o resumo da ópera, o libreto de todo o golpe é o seguinte: vocês nos entregam o petróleo, nos seguramos a Lava-Jato para peemedebistas, tucanos e aliados e esta Pátria morena continuará sendo o eterno País do Futuro, subdesenvolvido e comandado por uma camarilha venal de Brasília.

Como compensação ao patronato das empresas brasileiras, rasga a CLT, favorece a terceirização, esquece 13º, aumenta o número de horas trabalhadas, privatiza a saúde e a educação e devolve 40 milhões de emergentes à senzala. Estaria aqui o fulcro do ódio sistêmico que generalizou-se por uma classe média branca e privilegiada, aquela pequena burguesia que vestiu a camiseta da seleção, bateu panela e foi à paulista acoitar o pato da FIESP?

*Acordo de Bretton Woods: quando os norte-americanos estavam com a guerra na mão – em 1944 – e a economia mundial estava estraçalhada, os ianques quebraram o padrão ouro e criaram o padrão dólar. 

730 delegados de todas as 44 nações aliadas encontraram-se no Mount Washington Hotel, em Bretton Woods, New Hampshire, para a Conferência monetária e financeira das Nações Unidas. Os delegados deliberaram e finalmente assinaram o Acordo de Bretton Woods (Bretton Woods Agreement) durante as primeiras três semanas de julho de 1944.

Os norte-americanos não enfrentaram a guerra em seu território. Estavam, então, com a sua economia inteira, crescendo a taxas astronômicas e o resto do mundo numa depressão abissal, dependendo até das fardas produzidas nos EUA para mandar seus soldados para as frentes de combate.  Pela primeira vez o Império onde o sol jamais se punha, a Inglaterra, cedia, estraçalhada pela resistência aos alemães, sua liderança  ao Novo Império, que já domina o mundo há quase 7 décadas.

2 Comentários leave one →
  1. O Observador permalink
    17/08/2016 8:43

    É cada asneira que sai da cabeça desses caras que dá até pena! Acho que o charuto que fumam deve estar batizado com uma erva danada…já estragaram os neurônios desses grandes jornalistas, pensadores e pseudo-intelectuais!

    Nota da Redação: muito complicado para tua cabecinha, Fernandes? Vou explicar com apenas uma palavrinha: é golpe e tem preço.

  2. paulo permalink
    17/08/2016 14:16

    Nunca li tamanha bobagem.
    Depois dessa percebo que não tenho mais razões pra acessar essa site.
    Se for pra ler piadas e asneiras tem outros sites melhores.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: