Pular para o conteúdo

12 morrem em acidentes durante carnaval nas estradas federais da Bahia

12/02/2016

acidentes

O número de acidentes em trechos de rodovias federais na Bahia reduziu cerca de 41% durante o carnaval, segundo boletim divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nesta quinta-feira, 11. Contudo, o número de mortes aumentou, saindo de 7 em 2015 para 12 óbitos em 2016. De acordo com a polícia, o número de feridos se manteve em 84, mesmo número do último ano.

Os dados estão relacionados à Operação Carnaval 2016 da PRF, desenvolvida entre os dias 5 e 10 de fevereiro. Nesse período foram realizadas 2.939 autuações. As ultrapassagens proibidas se destacaram, totalizando 929 casos autuados pela polícia, seguidos por 294 registros de pessoas que não utilizavam o cinto de segurança e 53 motociclistas que foram flagrados sem usar capacete.

Além disso, foram recolhidas 143 carteiras de habilitação e 154 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículos, por irregularidades como vencimentos. Também foram capturadas 4.859 imagens de veículos em excesso de velocidade nas rodovias federais do estado.

Ainda na operação da PRF, nove veículos roubados foram recuperados. Do total, cerca de 11 mil veículos foram fiscalizados, 12 mil pessoas foram abordadas. Durante as abordagens policiais, 25 pessoas foram encaminhadas às delegacias de polícia judiciária, por crimes variados como mandado de prisão em aberto, posse de veículos roubados, embriaguez, posse de armas e drogas.

MINAS GERAIS

Treze pessoas morreram em 202 acidentes nas estradas federais que cortam Minas Gerais durante o feriado de Carnaval, informou a Polícia Rodoviária Federal (PRF) nesta sexta-feira (12). O levantamento da PRF foi feito de sexta-feira (5) à Quarta-Feira de Cinzas (10). No ano passado, foram 14 mortes e 403 acidentes – houve uma queda de 50%.

O sábado (6) foi o dia com maior número de acidentes e feridos – 65 e 68, respectivamente. Domingo (7) e terça-feira (9) foram os dias com o maior número de mortos – três em cada dia. Ainda em 2016, o número de feridos foi de 233. No ano passado, 369 pessoas ficaram feridas. Informes do G1.Globo.

 

Visto cartão

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: