Pular para o conteúdo

E agora José? Honra lavada e o horror da prisão!

28/10/2015
O local do crime

O local do crime

crime 3

“O marido não deve ser o último a saber. O marido não deve saber nunca!” Nelson Rodrigues, o filósofo dos maridos traídos, estava certo. Joelma Muniz de Campos, de 46 anos, foi assassinada pelo marido, José Antonio Rodrigues Ribeiro, 59 anos, nesta madrugada, na sua residência, onde os dois tinham um bar, na rua Paraíba.

crime 2Ela andava flanando pela vida, em aventuras extraconjugais, e quando chegou em casa, o marido já sabia de tudo. José agrediu Joelma com uma faca e ato contínuo, matou-a com uma pesada picareta.

José foi preso em flagrante e agora vai amargar sua “dor de saber” na pensão do dr. Rivaldo Luz.

 

José, o homicida apaixonado

José, o homicida apaixonado

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: