Pular para o conteúdo

Ilha de prosperidade: agropecuária baiana cresceu 12,5% em 2014

27/03/2015

A atividade econômica baiana registrou expansão de 1,5% no acumulado do ano 2014, em comparação com o mesmo período do ano anterior. Foram fundamentais para esse crescimento o desempenho dos setores de Serviços e Agropecuária, com alta de 1,8% e 12,5%, respectivamente. Por sua vez, o setor industrial ficou como destaque negativo com recuo de 1,9%, impulsionado pela retração nas atividades da construção civil (-3,3%) e indústria de transformação (-2,9%). As informações são da Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (Sei – Seplan).

lavouras

No que diz respeito à alta do setor agropecuário, pode-se creditar esse ganho à expansão na produção física das principais culturas do estado: milho (38,1%), algodão (25,8%), café (24,2%) e soja (15,9%). A boa performance destas culturas devem-se em parte ao controle da praga da lagarta do milho, as chuvas na época do plantio e a baixa base de comparação – efeito estatístico.

O bom desempenho do setor de serviços está atrelado ao crescimento de suas principais atividades no estado. As atividades de Alojamento e Alimentação (4,9%) e Transportes (3,8%) registraram os maiores incrementos; entretanto os destaques ficaram por conta do Comércio (1,6%) e Administração Pública (0,6%), devido as suas ponderações internas no cálculo do Valor Adicionado (VA).

A indústria baiana registrou queda em todos os trimestres de 2014 e encerra o ano com recuo de 1,9%. Este fato deve-se principalmente às retrações da indústria de transformação e da construção civil. No que tange a transformação, os resultados da PIM-PF (IBGE) apontaram queda em sete dos doze segmentos, com destaque para veículos automotores (-22,4%),equipamentos de informática, produtos eletrônicos e ópticos (-44,3%), e metalurgia (-9,9%). No caso da construção civil nem mesmo as diversas obras públicas observadas no estado garantiram seu crescimento. De acordo com os dados da série histórica das Contas Regionais esta atividade não apresentava retração desde 2004, pois a última verificada foi em 2003 (-7,2%).

Quarto trimestre de 2014

Na comparação do quarto trimestre 2014 com o mesmo de 2013, houve crescimento de 1,3%; já em relação ao terceiro trimestre de 2014, houve alta de 0,3%. Destaque mais uma vez para os setores de serviços e agropecuária com acréscimos de 1,6% e 9,8%, respectivamente. O setor industrial apresentou retração de 0,4%, desta vez atrelada ao fraco desempenho das atividades de extrativa mineral (-2,1%) e construção civil (-6,3%). O destaque do setor foi a atividade de produção e distribuição de energia, água e esgoto com crescimento de 7,3%, decorrente da elevação na geração de energia elétrica bem como do consumo residencial.

A agropecuária destacou-se pelo bom desempenho das suas principais culturas registrando ganhos tanto em volume quanto em área plantada. O setor de serviços acumulou alta em todas as atividades no quarto trimestre em relação ao mesmo período do ano anterior. O destaque continua sendo a atividade de comércio devido ao seu peso na composição do cálculo do PIB trimestral, apesar de o mesmo ter crescimento apenas 0,9%.

Quinta

web---VEM-KÁ-SER-MAIS-FELIZ-570x400-1

faahf fevereiro 15

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: