Pular para o conteúdo

Como desconstruir Marina até o dia 26 de outubro?

29/08/2014

marinasilva

Por Lauro Jardim, em Radar Online

A pergunta que todos no meio político fazem – e cuja resposta vale 1 bilhão de dólares para as campanhas de Aécio Neves e Dilma Rousseff – é: como desconstruir Marina Silva? Muita gente avaliou que os temas abordados na entrevista de anteontem ao Jornal Nacional poderiam ser um bom caminho.

A julgar por uma extensa pesquisa qualitativa realizada ontem por uma agência de propaganda em São Paulo, só com eleitores declarados de Marina, a resposta é não.

Depois de assistir ao JN, os entrevistados consideraram que:

*a embaraçosa questão sobre a propriedade do avião de campanha de Eduardo Campos não cola em Marina. Simplesmente, por que as classes C, D e E não conseguem entender direito do que está se falando.

*A propalada inexperiência de Marina também não esquenta a cabeça dos seus eleitores. Lula, neste caso, vira a referência de alguém “sem experiência que foi bem sucedido”.

*A baixa votação que Marina obteve no Acre em 2010, tema levantado por Patrícia Poeta, não fez nem cócegas entre os seus apoiadores.

*Já a discussão sobre a “nova política”, pregada por Marina, contra a “velha política”, causou algum desconforto em seu eleitorado. Os entrevistados enxergaram ali uma certa contradição entre o discurso e a prática de Marina.

Em resumo, por enquanto está difícil esvaziar o balão de Marina.

Ninguém quer o PT?

Sobre o mesmo assunto, um advogado de São Paulo, com profundos laços em Barreiras, me escreve:

“Acho que a ideia é tirar o PT. Depois que decida com quem. Se Marina ou Aécio.  A imprensa não quer o PT. O setor econômico não quer o PT. Se não for com Aécio, que seja a Marina sob cabresto. A Dilma é “incabrestável” e cabeça dura. Resta saber se a Marina cede. Acho que cede.

Sobre a virtual inexperiência de Marina como gestora pública,  tocadora de obras e principalmente gestora da tal governabilidade, ele afirma:

O quê Fernando Henrique Cardoso foi antes de ser presidente? Senador e Ministro igual à Marina. E o Lula foi o que antes de ser presidente? Nem isso.

E arremata:

Acho que Marina é o Russomano de 2014. Se ela não fizer nenhuma cagada como o do passe de ônibus mais caro pro mais pobre, vira presidente.

2 Comentários leave one →
  1. Mário Machado permalink
    29/08/2014 11:45

    Desconstruir Marina é um exercício de física quântica para o qual nem PT nem PSDB estão preparados, pelo simples fato dela ser a “terceira via” ou a opção que faltava para desconstruir a polarização existente.
    Discordo em numero, gênero e grau de ataques de ordem pessoal, de qualquer natureza. Que os candidatos apresentem propostas, algo que não fizeram até agora.
    Dilma, qual a experiência administrativa anterior dela? O Conselho da Petrobras? E deu no que deu.
    Não voto em Marina, muito menos em Dilma, mas admitamos que Marina veio para roubar a cena e o espaço deixado por Eduardo Campos, que na verdade não o tinha, quem tinha, de verdade, era ela!
    Não me espantaria se Marina ganhasse em primeiro turno. Mas verdade seja dita, tal qual a esfinge: Decifra-me ou Devoro-te! Marina é a esfinge a ser decifrada.

  2. Garibalde permalink
    30/08/2014 17:16

    Tomara,kkkkkkkkk… Aí vocês vão ver quem é a “praga da agricultura”! E ainda vão dizer que eram felizes e não sabiam. Avante MARINAAAAAA!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: