Pular para o conteúdo

Santa Rita: presos rompem grades e esperam na frente da delegacia

05/08/2013
Santa Rita de Cássia: prisioneiros na rua

Santa Rita de Cássia: prisioneiros na rua

Revoltados com a estrutura da delegacia e falta de atendimento médico a um dos detentos que passava mal, os presos promoveram motim neste domingo, 04, e arrombaram as grades das celas da cadeia pública de Santa Rita de Cássia. Uma delas já estava desativada desde a última fuga, quando teve a grade serrada.

Ontem, após o arrombamento, os detentos saíram e foram parar em frente à Delegacia, onde não havia plantonistas. Por volta de 02h 00 da madrugada de hoje, com a chegada de policiais militares, houve conflito, e um deles de pré-nome Wiliam, em meio à confusão, foi atingido com um tiro no braço. Os soldados negam que o tiro tenha partido da arma da PM.

Willian estava em cima de um muro e após ser baleado sofreu uma queda, porém, teve apenas pequenas escoriações e lesão leve. A própria polícia prestou socorro ao atingido que foi atendido no hospital municipal e posteriormente levado de volta para a Delegacia, onde permaneceu em frente com os dois braços enfaixados.

No momento do tiro, havia várias pessoas em frente a uma boate, onde ocorria um show, ao lado da Delegacia. O mais impressionante é que por volta das 03h 30 da manhã, a polícia foi embora, e os presos continuaram do lado de fora da Delegacia, inclusive o ferido. Willian é acusado de estuprar sua filha, mas nega o fato, dizendo que o laudo chegaria amanhã e que provaria sua inocência.

Segundo os rebelados, não têm intenção de fugir, querem apenas chamar a atenção das autoridades para os problemas que vêm enfrentando, com as péssimas condições da carceragem, falta de alimentação e assistência à saúde. Ainda de acordo com eles, o estado não está fornecendo a alimentação diária e não permite que os seus parentes forneçam.

Ao informar à administração da Delegacia sobre o mal estar de um dos detentos, os presos teriam recebido a seguinte resposta: “Se vire, vocês resolvam do seu jeito”. Entretanto, decidiram promover o motim e quebrar as grades. O preso que estava doente foi sozinho para o hospital.

Blog Alô Alô Salomão com informações do portal Folha do Rio Preto

Nota da Redação: Ontem à noite, um leitor nos comunicou o ocorrido. O absurdo da notícia era tal, que não acreditamos. Consultamos autoridades sobre o fato e como não recebemos confirmação, nada publicamos. Hoje fomos surpreendidos pela confirmação da notícia. Como dizia Otávio Mangabeira, governador do Estado entre 1947 e 1951, “Pense num absurdo. Na Bahia tem precedente.”

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: