Pular para o conteúdo

Absolvido o mototaxista julgado hoje

13/12/2012

reu2O criminalista Eder Fior conseguiu hoje mais uma vitória na sua carreira de advogado: ele conseguiu convencer o corpo de jurados da inocência do mototaxista Carlito Antonio Carneiro, acusado de matar na noite do dia 11 de março o suposto amante da esposa, Almeida Gonçalves de Souza. Ele foi absolvido pelo Tribunal do Júri em julgamento realizado nesta quinta-feira, 13, no Fórum da Comarca de Luís Eduardo Magalhães, em sessão presidida pelo magistrado Claudemir da Silva Pereira. O Ministério Público foi representado  pelo promotor Ícaro Tavares Cardoso de Oliveira Bezerra.

 Ao repórter Sigi Vilares, Eder Fior afirmou:

“A defesa não defende o crime, a defesa defende os direitos que o acusado tem estabelecidos pela nossa legislação e o que nós fizemos hoje foi defender tudo aquilo que a lei dá ao réu como direito. Defendemos esses direitos e apresentamos duas teses ao conselho de sentença e o corpo de jurados entendeu que a tese da legítima defesa putativa deveria prevalecer e também a sua legítima defesa da honra e assim acabou absolvendo o réu por maioria de votos”

Na foto de Sigi Vilares, Eder Fior abraça seu cliente após a vitória no júri popular.

12 Comentários leave one →
  1. GEPETTO permalink
    14/12/2012 6:44

    ¿A defensa da honrra justifica tirara a vida duna pessoa? Eu acreditaba morar no siglo XXI em uma nação moderna e democrática e mais parece o medievo donde as mulheres eram propiedade exclusiva dos maridos.

  2. Margarida Sousa permalink
    14/12/2012 8:20

    Mais um criminoso absolvido baseando-se nas leis brasileiras, onde o criminoso se agiu em legitima defesa e assim anda a humanidade, ceifando vidas, onde antes se dizia que o crime não compensa quem perdeu sua vida que estará preso pela eternidade.

  3. Henrique Fábio permalink
    14/12/2012 8:40

    Então se for traído é só matar que resolve! Passa de corno para assassino então é vantagem!

  4. Ana Luiza permalink
    14/12/2012 9:22

    Vamos beatificar o LAMPIÃO.

  5. ZeBussa permalink
    14/12/2012 9:56

    Só existe uma explicação técnica: mérito da defesa que conseguiu convencer o corpo de jurados.
    Consequentemente, demérito da acusação que não teve capacidade de “levar” os autos para o convencimento de uma condenação.
    Acredito que nos dois casos o Ministério Público deva recorrer da decisão e ser realizado novo Tribunal do Jùri.

    • andre augusto silva permalink
      14/12/2012 17:04

      Vai explicar o mérito e o demérito pros parentes das vítimas. Será que se fosse um familiar dos nobres advogados que comemoram as suas “vitórias” estariam tão felizes, nos seus méritos e deméritos?????

      • Marialvo permalink
        16/12/2012 7:09

        Viu André, mas o ZeBussa tá certo mesmo. Infelizmente, se a nossa legislação tem estas bechas, o advogado foi muito eficiente em se aproveitar. É isso a vida de um advogado! Ele ganha para isso! Agora a gente que tem que reclamar desse código penal que hoje tem 72 anos! ISSO É UMA VERGONHA CARA! Um ser humano com 72 anos, se não se cuidar, certamente será gagá!

  6. Julya dos Santos permalink
    14/12/2012 14:33

    Uma pergunta que nao quer calar
    Foram condenados no crime de POSSE e PORTE ILEGAL de armas?

    LAMENTAVEL a situaçao da justiça em nossa cidade, um JUIZ que em todo o tempo de permanencia em nossa cidade só agora faz os primeiros julgamentos com juri, e um PROMOTOR que nao conseguiu condenar dois ASSASSINOS confessos. LAMENTAVEL.

    • Albano permalink
      15/12/2012 19:05

      Concordo com você Julya, faltou experiência do ministério público. Nem a trama baseada em fatos reais da novela de Gabriela, um caso como este tomou esse rumo de ficção. Zero para a justiça!

  7. andre augusto silva permalink
    14/12/2012 16:58

    Estão legalizando os homicídios, não sabia que honra ficava no órgão genital, pensava que a honra fosse algo muito maior que os órgãos genitais. A decisão do juri reflete bem a nível das pessoas que convivem em nossa sociedade, uma sociedade de animais irracionais que consideram um homicídio algo heróico, será que pensaram nos familiares da falecido? Por que ele não matou logo a sua esposa já o crime está sendo legalizado deveria ter aproveitado a acasião e matar dois coelhos com uma cajadada ou só ou melhor comuma espingarda só..Deveriamos repensar a criação da Comarca em Luís Eduardo Magalhães, como deveriamos repensar a sinalização do trânsito, as ditos cidadãos ainda não estão preparados pra conviver em sociedade dentro da legalidade

  8. André Luis permalink
    14/12/2012 17:27

    “PUTATIVA” Quer dizer que a mulher dele era uma Puta Ativa e por isso este criminoso ficou impune, se ela estava em plena atividade por qual motivo ele tirou a vida de um individuo?

  9. Albano permalink
    15/12/2012 19:09

    Boa pergunta André! Gostaríamos de receber esclarecimentos da OAB para esse caso que só na época do coronelismo esse crime não tinha punição.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: