Pular para o conteúdo

Kelly preocupada com o massacre do trânsito

23/10/2012

Da deputada Kelly Magalhães ao jornal O Expresso, ontem, via sms:

“Parabéns pelas constantes matérias a respeito da enorme tragédia que tem vitimado tantas pessoas. Os acidentes de trânsito, especialmente os de moto, estão se tornando cada vez mais comuns e o custo é altíssimo. É preciso que o poder público trate essa questão como prioridade zero. Seu blog tem sido uma verdadeira trincheira de informação para evitar mais mortes. Abraços, Kelly Magalhães.”

4 Comentários leave one →
  1. 23/10/2012 10:43

    COM AUTO-ESCOLA COBRANDO R$1200,00 NÃO VAMOS TER UM TRÂNSITO COM BONS MOTORISTAS,QUANDO O GOVERNO FEDERAL SE CONCIENTIZAR QUE A MAIORIA DOS CONDUTORES CONDUZ VEÍCULOS SEM CNH POR FALTA DE CONDIÇÕES FINANCEIRA ELE VAI DAE CONDIÇÕES AS AUTO-ESCOLAS PARA FAZER UM PREÇO ACESSÍVEL PARA PESSOAS DE BAIXA RENDA

  2. 23/10/2012 12:18

    Os jornalistas fazem sua parte.

    Se os condutores, cada um, fizesse a sua, já seria meio caminho andado, é inadimissível que um condutor inabilitado coloque em risco a sua vida, a nossa vida e a de nossa família, por não ter feito os exames necessários a obtenção da CNH.

    No entanto acho que os deputados deveriam fazer um pouco mais, ao invés de ficarem na platéia, como meros expectadores do teatro de horrores. Com algumas exceções:

    “Aprovado projeto que institui a Década de Ações para Segurança no Trânsito

    A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara dos Deputados aprovou hoje (22/05), em caráter conclusivo, o projeto de lei 6319/09 que institui a Década de Ações para a Segurança no Trânsito no período de 2011 a 2020. A proposta é de autoria do deputado federal Hugo Leal (PSC/RJ), presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Trânsito Seguro, e atende a uma recomendação da Organização das Nações Unidas (ONU) a todos os países membros.

    Pelo projeto, o Poder Público desenvolverá atividades educativas, informativas, de promoção, de conscientização e de estímulo à participação da sociedade para redução da violência no trânsito. “O objetivo é promover políticas para melhoria da segurança no trânsito. No Brasil, a violência no trânsito faz mais de 40 mil vítimas fatais por ano, uma média de 95 mortes diárias. Isso equivale à queda de um avião de grande porte lotado a cada três dias”, alerta o deputado.”

  3. Tapes permalink
    23/10/2012 15:42

    Prioridade zero..???

  4. Rosemeire permalink
    23/10/2012 17:39

    “É preciso que o poder público trate essa questão como prioridade zero” e sobre educação, saúde, saneamento básico estaria em que prioridade?.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: