Pular para o conteúdo

Ex-Prefeito de Cristópolis é investigado por suposto desvio de verbas federais

28/09/2012

O ex-Prefeito responde, na saída da PF, com acenos às vaias de um grupo de protesto.

Da Redação do Jornal Nova Fronteira, onde o leitor poderá ver mais fotos e detalhes do processo.

Antonio Xavier dos Santos (PMDB), prefeito do município de Cristópolis, Oeste da Bahia, distante 161 km de Luís Eduardo Magalhães, e outros servidores municipais, entre eles secretários de governo, estiveram na delegacia da Polícia Federal, em Barreiras, onde está sendo apurado possíveis práticas lesivas contra o erário público.

Durante toda a manhã de ontem, 27, o prefeito, secretários municipais e demais servidores do departamento de Licitação da prefeitura foram ouvidos por policiais federais, no intuito de apurar suposta formação de quadrilha para saquear verbas públicas federais destinadas ao município.

Portando faixas contra a corrupção, manifestantes estiveram na área fronteiriça a delegacia cobrando justiça e prisão dos acusados. Os ânimos se acirraram por volta das 12h30 quando o prefeito deixava o prédio da PF. Além da vaia, os mais exaltados acabaram atingindo com tapas e pontapés, a lataria e o parabrisa do veículo do prefeito.

O processo formulado pelo Ministério Público Federal, narra que há nos autos elementos que permitem concluir pela prática de condutas lesivas ao patrimônio público praticadas, em tese, pelo prefeito Antonio Xavier dos Santos, que, com o suposto auxílio de diversos parentes (entre eles irmãos e o pai), servidores públicos municipais, ‘laranjas’ e empresários, sendo todos eles, em comunhão de desígnios e mediante divisão de tarefas, estariam se apropriando de forma fraudulenta de verbas públicas federais repassadas ao município sob as mais diversas rubricas.

Ficou apurado ainda no processo movido pelo MPF, que desde o ano de 2005, época em que Antonio Xavier assumiu o cargo junto à prefeitura de Cristópolis, valores transferidos pela União àquele município, no montante de cerca de cinco milhões de reais foram desviados de forma fraudulenta, mediante a contratação em procedimentos licitatórios simulados da empresa CMT – Castro Moura Prestação de Serviços de Terraplanagem.

Para falar sobre o assunto, nossa reportagem procurou Antonio Xavier, e foi informada pela assessoria, que o mesmo estava em viagem na zona rural do município e que até o final da tarde emitiria uma nota oficial com a versão do prefeito.

2 Comentários leave one →
  1. Jorge Revelando permalink
    29/09/2012 13:16

    Caro Carlos Alberto, gostaria de fazer uma pequena correção no titulo da matéria, o rapazinho da foto é o atual prefeito da cidade de Cristópolis e um dos outros acusados é candidato apoiado por esse cara.

  2. 28/03/2014 3:32

    Bota esse ladra na jaula que a justica seja feita o povo nao aguenta mais sofre cristopolis preciza de um lider e o atual prefeito fiquem de olho nele

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: