Pular para o conteúdo

Calor põe gaúchos à beira de um colapso de energia.

17/02/2012

Foto de Zero Hora e ClicRBS

O jornalista Políbio Braga afirma hoje que a capacidade máxima de transmissão e distribuição de energia bateu no máximo com a onda de calor que assola o Rio Grande do Sul.  O RS produz apenas 30% da energia que consome e por isto depende visceralmente da energia produzida noutros locais, sobretudo Itaipu, Paraná. 

O problema é que as linhas de transmissão estão saturadas, o que vale para o miolo do Rio Grande e também para os Estados ligados ao Sistema Interligado. A capacidade delas é de 6,1 megawatts e nestes últimos dias de calor forte, a margem que separa o consumo (6 megawatts) da capacidade de transmissão é de apenas 2%.
O que poderá acontecer a qualquer momento, cortes de cargas (apagões) serão aplicados seletivamente no RS. Em casos como este, os planos de contingenciamento selecionam localidades, áreas e atividades menos problemáticas.

Hoje a temperatura passou dos 40º em diversos municípios de baixa altitude no RGS, inclusive na Região Metropolitana de Porto Alegre.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: