Pular para o conteúdo

Requião está a um passo da camisa de força.

26/04/2011

O senador paranaense Roberto Requião não é conhecido pela sua urbanidade. Ontem, prevaleceu-se de sua condição de político e agrediu um repórter da Band, tomando-lhe o gravador e devolvendo-o algum tempo depois, sem o cartão de memória. Na madrugada, reconhecia no Twitter, onde agitou boa parte do dia, sua atitude desastrada: “Caí numa armadilha, mas vamos em frente”.

O repórter deu queixa por agressão e roubo na coordenação da Polícia Federal. A armadilha em que Requião caiu certamente é a sua personalidade conflituosa e seu caráter duvidoso. Este tipo de arroubo é classificado por qualquer estudante de psiquiatria como bi-polaridade. O Senador está doente e como tal deve ser tratado.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: