Pular para o conteúdo

Confira como funcionam as asas móveis da RBR F1

31/07/2010

À medida em que o carro acelera na reta, as laterais do aerofólio descem cerca de 25 milímetros, rendendo alguns décimos de vantagem. Observe com atenção, tendo os pneus dianteiros como referência. Na freada, evidentemente, a asa retoma a posição mais horizontal. Parece pouco, mas as outras grandes equipes estão correndo atrás. Foi por causa dessa asa móvel que Vettel e Webber brigaram pela última vez. Hoje e amanhã os dois têm a nova asa para mostrar que a Red Bull ainda é a melhor. Nos treinos de ontem, sexta-feira a RBR botou 0,5 segundos de tempo em cima da Ferrari. Se largar na frente, em Hungaroring, só mesmo um acidente para tirar o troféu das mãos de Webber ou Vettel.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: