Pular para o conteúdo

Dakar: único carro brasileiro no rali se aproxima do Top 10.

13/01/2014
Foto de Gustavo Epifanio: Guilherme Spinelli leva rali na manhã para ficar entre os top10 da edição 2014.

Foto de Gustavo Epifanio: Guilherme Spinelli leva rali com prudência para ficar entre os top10 da edição 2014.

O oitavo estágio da edição de 2014 do Rali Dakar entre os carros foi dominado pela Mini. A vitória nesta segunda-feira (13) ficou com a dupla Nasser Al-Attiyah/Lucas Cruz. Os representantes do carro 301 completaram o longo trecho entre Salta, na Argentina, e Calama, no Chile, em 2h32min57s, contando ainda com passagem por Uyunu, na Bolívia.

A vitória, contudo, não veio de forma fácil. A vantagem dos vencedores do dia para os parceiros de equipe Stéphane Peterhansel e Jean Paul Cottret, que cruzaram a linha de chegada na segunda colocação, foi apenas de 1min12s.

No terceiro lugar, não tão longe dos líderes da Mini, aparece a SMG de Carlos Sainz/Timo Gottschalk, com desvantagem de 2min36s para o tempo dos melhores desta segunda. Orlando Terranova/Paulo Fiuza, com outra Mini, fechou no quarto posto, com a dupla Krzysztof Holowczyc/Konstantin Zhiltsov, surpresa do dia, na quinta posição.

A liderança depois de oito estágios continua nas mãos de Nani Roma/Michel Perin, também da Mini. Sexta dupla a chegar em Calama, o duo agora tem 31min53s de vantagem para Peterhansel/Cottret. A terceira colocação no agregado ainda está com Giniel de Villiers/Dirk von Zitzewitz, da Toyota, com Terranova/Fiuza em quarto e Al-Attiyah/Cruz em quinto.

Única equipe brasileira na disputa, a dupla Guilherme Spinelli/Youssef Haddad, da Mitsubishi Petrobras, conseguiu o 11º tempo na oitava especial, e agora ocupa a 14ª posição na soma dos tempos, com desvantagem de 3h57min26s para os líderes. Do site Grande Prêmio, do MSN Esportes.

Chevrolet Spin: ao seu dispor para um test drive na Topvel

13/01/2014

Teste Drive Spin Topvel.

logo topvelNos últimos 18 meses, a Chevrolet Spin reinou no segmento de minivans, com 53 mil veículos vendidos no período. Em outubro, registrou sua maior média, com 4.487 unidades. Para manter esse bom desempenho, a General Motors tratou de incluir na linha 2014 de seu monovolume o difundido sistema multimídia My Link, de série na “top” LTZ, de sete lugares.

Já presente em quase todo line-up da Chevrolet, o My Link põe a Spin na tendência de conectividade, bastante fortalecida em 2013. O dispositivo tem uma tela LCD de sete polegadas sensível ao toque capaz de reproduzir fotos, vídeos, músicas, aplicativos de smartphones, além de fazer ligações pelo celular via Bluetooth. À parte de todas estas funcionalidades, o sistema executa funções tradicionais de rádio AM/FM com leitor de áudio para arquivos MP3/WMA.

Venha fazer um test drive na Chevrolet Spin, nas revendas Topvel Chevrolet de Barreiras, Bom Jesus da Lapa e Luís Eduardo Magalhães. E traga sua família para experimentar o conforto dos modelos de 5 e 7 lugares, nas versões LT e LTZ.

Operação “Muvuca” tem mais uma etapa cumprida.

13/01/2014
Sementes são distribuídas a lanço, com objetivo de imitar a natureza.

Sementes são distribuídas a lanço, com objetivo de imitar a natureza.

A prefeitura através da Secretaria de Meio Ambiente e Economia Solidária (SEMA), recuperou mais seis hectares de áreas degradadas em Áreas de Preservação Permanente (APP) na Fazenda Kelly, nos dias 03 e 09 deste mês, próximo a Comunidade do Novo Paraná. O método implantado foi a Muvuca, que consiste no Plantio Mecanizado com sementes de espécies vegetais nativas do Cerrado.

A atividade é continuidade da Campanha Luís Eduardo Magalhães APP 100% Legal, que tem como objetivo conservar o Cerrado do oeste baiano, estimular e gerar renda para a população da zona rural. As sementes utilizadas no plantio destes seis hectares foram coletadas durante todo o ano de 2013 pelas comunidades do Assentamento Rio de Ondas, Vila II e IV, Emburana, Galhinhos e Muriçoca.

Mistura de sementes e areia (Muvuca). Ao total foram utilizados 1.250 quilos de sementes, produto que foi revertido em renda para pessoas de baixa renda.

Mistura de sementes e areia (Muvuca). Ao total foram utilizados 1.250 quilos de sementes, produto que foi revertido em renda para pessoas de baixa renda.

Algumas espécies com casca dura necessitam passar por um choque térmico, a quebra de dormência, para acelerar o processo de germinação.

Algumas espécies com casca dura necessitam passar por um choque térmico, a quebra de dormência, para acelerar o processo de germinação.

De acordo com a secretária de Meio Ambiente e Economia Solidária, Fernanda Aguiar, “desde 2011 já foram restaurados seis hectares e este ano, mais seis. Nossa meta em 2014 é atingir dez hectares de plantio de Muvuca”, explica. Em relação a outros métodos de recuperação de área degradada, o plantio de sementes nativas, possui um menor custo de implantação, além de uma maior eficácia em relação ao plantio de mudas.

Esta maneira de restauro vegetal, além de inovadora é uma técnica pioneira na região oeste da Bahia. A técnica da Muvuca trabalha  questões socioambientais. Os  moradores das comunidades formaram uma Rede de Coletores de Sementes, estimulando a geração de renda. Mais de duas toneladas de sementes de espécies nativas já foram coletadas, destinadas à produção de mudas e semeadura direta em ações de restauração ecológica.

No meio da loucura moderna, uma carta de amor.

13/01/2014

Enquanto o mundo se desagrega em violência, devassidão e na perda dos valores intangíveis da natureza humana, recebo uma surpreendente missiva, em que a autora pede para tornar pública uma carta de amor. Há quanto tempo você, caro leitor, não ouvia falar nisso: uma doce, candente e apaixonada carta de amor? Sinal de que nem tudo está perdido, que os jovens (e por que não, os mais maduros) ainda tem capacidade de escrever cartas de amor. Veja primeiro o texto do email enviado por Letícia, justificando sua iniciativa. E depois a sua maravilhosa manifestação sentimental:

“Boa tarde Sampaio,

Consegui seu contato através do site do jornal “O expresso”, que diga-se de passagem é bem conciso, claro e esclarecedor. 

Tenho visto seu trabalho ao longo do período que moro em Luis Eduardo Magalhães, e talvez meu pedido não seja bem do perfil do seu trabalho, mas como seu jornal tem bastante acesso e sou um tanto persistente, não custa tentar né?! 

Recentemente passei por uma experiência um tanto conhecida, me apaixonei por uma pessoa maravilhosa que também correspondeu aos meus sentimentos, mas que decidiu não levar tal sabor a diante, me causando grande dor e tristeza.

Como em todo caso desse tipo, algumas coisas ficaram por dizer, alguns erros foram cometidos, e apesar de não ser mais uma jovenzinha descobrindo seu primeiro amor, resolvi escrever uma carta, meio ridícula, eu sei, mas como diria Fernando Pessoa “uma carta de amor tem que ser ridícula, se não for ridícula então não é uma carta de amor”…

O objetivo dessa publicação é pedir perdão pelos erros cometidos, e mostrar aos leitores que não importa a idade, não importa o grau de instrução, de maturidade, todos nós viramos meros adolescentes quando se trata de paixão, mostrar que apesar dos anos e dos relacionamentos anteriores, todos nós acabamos por agir de forma inconsequente e intensa. 

Afinal, existe amor após a paixão? Existe idade e momento para se apaixonar? Sinceramente não sei a resposta, mas gostaria muito de poder mostrar para a pessoa por quem nutri esse sentimento, que eu sinto muito pelos meus erros, que o perdoo pelos erros que ele cometeu e principalmente mostrar o quão maravilhoso foi a experiência que vivi ao lado dele.

Ficarei imensamente feliz se você puder publicar minha carta, mesmo que em um pequeno espaço, mesmo que por um preço justo.

Com carinho, Leticia.”

A carta de amor

Querido Dan,

Existem pessoas que entram em nossa vida para nos mostrar que podemos ser cada vez melhores, outras, para nos mostrar um outro ângulo da vida… Você entrou na minha vida pra me mostrar que algumas coisas devem permanecer como estão, e que em contrapartida, outras coisas podem ser mudadas, melhoradas…

Ainda me lembro dos perfumes que você usava, posso sentir perfeitamente o quão inebriante era apreciar essas fragrâncias em ti. Eu poderia passar horas apenas sentindo seu cheiro, tocando seu rosto, observando suas expressões e tentando decifrar o que se passava na sua mente. (Um doce pelo seu pensamento, lembra-se?).

Letícia em foto de arquivo pessoal

Letícia em foto de arquivo pessoal

Passar esse tempo ao seu lado foi extraordinário, não me imaginava assim novamente… Tão leve, alegre, livre…

Certa vez você me disse que sentia como se a vida o tivesse preparado para aquele momento comigo, eu acredito em você, afinal tem certas coisas que já estão traçadas… MAKTUB – Estava escrito.

Acredita-se que quando desejamos algo puro, do fundo de nossas almas, o universo estará lá, conspirando para que o nosso sucesso seja inevitável, reafirmando que tudo está escrito apesar do livre arbítrio.

Eu concordo com essa teoria, tinha que ser, tinha que acontecer, com os melhores perfumes, as melhores noites, os melhores dias, os melhores abraços…

E ainda vou além, existe uma palavra muito bonita, cujo significado é tão belo quanto: SERENDIPITY, que significa um “acidente feliz” ou “agradável surpresa”. É como encontrar algo bom ou útil, embora não esteja especificamente procurando por ela.

Você foi meu Serendipity, não imaginava te conhecer, e muito menos imaginava que iria sentir de novo o que aconteceu conosco, e me sinto deveras feliz com tal “acidente”, porque acredito que no fundo, desejei isso ao universo, que me atendeu prontamente.

Que bom que você existe, que bom que nos conhecemos… Obrigada…

Eu poderia escrever inúmeras páginas só com agradecimentos, mas quero ressaltar um em específico: obrigada por me dizer “eu quero que você fique”, isso realmente me fez refletir sobre uma série de outras coisas, e, diga-se de passagem, fez muito bem aos meus ouvidos e coração.

Ah esse meu coração! Tolo coração que se alegra, se machuca, se conserta, se ajeita, se desfaz, chora, sorri, grita, espera, sonha… Ah esse coração… Está tão cansado meu amor…

Amor? Paixão? Afinal, existe idade e tempo para se apaixonar? Será que existem critérios para o amor?

Se existe, esqueceram-se de me prescrever a receita, porque me vi de súbito, completamente apaixonada por ti. Éramos como estrelas de constelações contrárias, tão diferentes e tão iguais…

Uma das melhores sensações que tive ao seu lado, foi quando para afastar suas preocupações e chateações do dia, eu te aconcheguei em meus braços, entoei docemente uma canção de ninar enquanto meus dedos percorriam sua face, suavemente, acalentando e aliviando seus anseios. Obrigada por me permitir isso também.

Recordo-me de tantas coisas que fizemos, que dissemos, que sentimos, mas se eu pudesse voltar no tempo, se eu pudesse prever o fim da nossa história, eu não teria ido embora sem me despedir, eu não teria deixado você assistir ao filme sozinho enquanto eu dormia, eu teria levado menos doces e mais sorrisos, eu teria chegado mais cedo e saído mais tarde, eu teria permanecido mais tempo na sua cama do que no portão de casa, eu teria perdido mais vezes na gangorra pra passar mais tempo com você me olhando com aquele olhar maravilhado, eu teria ido a mais bares estranhos pra passar mais tempo rindo com você, eu teria assistido a um filme estrangeiro sem legendas, imaginando a hora em que o casal diria “eu te amo”… Se eu pudesse voltar no tempo, se eu pudesse prever… Eu faria mais, muito mais… Is forever enough, is forever enough…

Sentimentos são complexos e nos pregam peças, nos ensinam e nos machucam, viver esse tempo com você me trouxe uma série de sentimentos, alguns maravilhosos, outros desconhecidos, e alguns que me fizeram refletir sobre diversos outros sentimentos.

Esses sentimentos foram mútuos por um certo tempo, até você decidir que havia passado, que já não tinha o mesmo sabor… Deve ter sido muito difícil chegar a essa conclusão, mas mais difícil foi ter que ouvi-la de você.

Era como um turbilhão de sentimentos, de dúvidas, de medos, que mal podia te ouvir, como se eu estivesse perdida em um paradoxo paralelo que me impedia de voltar à realidade, e vou lhe confessar, que sentimento inexoravelmente ruim eu experimentei.

O medo às vezes nos impulsiona a fazer coisas que vamos nos arrepender depois, coisas que podem nos magoar na mesma intensidade em que magoamos alguém.  E como num surto de desespero, confusão e medo, acabei por magoar você também, o que você sentiu naquele momento não deve ter sido nada agradável… Eu realmente sinto muito…

Um dos sentimentos mais sublimes é o perdão, que diferente da “desculpa”, não pede que o outro “tire a culpa de si”, mas pede que “aceite-o como este realmente é, com suas falhas e virtudes”.

Meu coração ainda dói, meus sentimentos ainda estão confusos, no entanto, esse pobre coração cansado lhe oferece o perdão, aceitando você com suas falhas, suas limitações e inúmeras qualidades… E como assim como você eu também errei, também lhe magoei, espero sinceramente que seu coração também consiga me perdoar, e me aceite assim como eu sou, destrambelhada, louca, apaixonada e imperfeita.

Esta é a última vez que lhe escrevo, que falo sobre isso, vou me despedir de você com aquele mesmo sorriso de quando lhe conheci, e quem sabe, por descuido ou poesia nossos destinos se cruzem novamente, como um Serendipity…

Até algum dia Dan, luz que me inspira…

Com amor,  Sunshine.

Campinas em dia de fúria: ônibus são incendiados após noite de massacre.

13/01/2014

Três ônibus foram incendiados e sete depredados hoje (13) no Terminal Vida Nova, em Campinas, interior paulista. Segundo a Associação das Empresas de Transporte Urbano de Campinas, um grupo de 300 pessoas, muitos com rosto coberto, carregando paus e pedras, destruiu ainda duas cabines do terminal, que é administrado por uma empresa da prefeitura.

Após a ação, o terminal foi fechado e sete linhas deixaram de circular. As operações foram retomadas após as 15h30, quando a Polícia Militar garantiu a segurança para manutenção dos serviços, em reunião com a gerência da VB Transportes, empresa dona dos ônibus destruídos e responsável pelas linhas interrompidas.

O terminal depredado fica na região do Ouro Verde, periferia de Campinas, onde pelo menos 12 pessoas foram assassinadas na última madrugada. Segundo a Polícia Civil, os crimes ocorreram entre as 23h de ontem (12) e as 2h de hoje (13). A polícia investiga o caso, mas até agora não há informações sobre suspeitos. De Daniel Mello, da Agência Brasil.

Humberto diz que continuará a atacar pontos mais críticos durante período da chuva

13/01/2014
Humberto Santa Cruz comentou os  pontos a serem melhorados e destacou atividades emergenciais para  todos os bairros do município.

Humberto Santa Cruz comentou os pontos a serem melhorados e destacou atividades emergenciais para todos os bairros do município.

O prefeito Humberto Santa Cruz afirmou, em entrevista ao programa Informativo Cultura da Rádio Cultura FM, de Luís Eduardo Magalhães, nesta segunda-feira, 13, que a secretaria de Infraestrutura do município intensificará o trabalho de prevenção e manutenção neste período de chuvas mais constantes. “Vamos atacar os pontos mais críticos da cidade”, disse, citando como exemplo a obra de contenção realizada no Canal da Rua Ilhéus no bairro Santa Cruz, em outubro do ano passado.

 Segundo Humberto, a solução definitiva para os problemas de infraestrutura enfrentados pela cidade, todo ano, durante o período de chuva, é a finalização do projeto de drenagem das águas pluviais. “Enquanto esse projeto não for concluído continuaremos com dificuldades. Luís Eduardo Magalhães é uma cidade muito plana. Na época da aprovação dos loteamentos no Mimoso I e II não se considerou o leito e a nascente do Rio dos Cachorros. Hoje, todo projeto aprovado preserva esses pontos”, explicou.

O prefeito explicou ainda que entre novembro e dezembro de 2013 choveu metade do previsto para esse ano – 750 milímetros – o que contribuiu para o aumento dos buracos e dos transtornos. Questionando sobre a erosão que provocou um enorme buraco em uma rua que liga o bairro Santa Cruz e o Florais Leia, Humberto garantiu que a prefeitura irá ajudar na reconstrução da via.

“Já entramos em contato com o empresário dono do loteamento. Vamos fazer uma parceria pra resolver o problema. A obra é da loteadora, mas a prefeitura não vai fugir da sua responsabilidade”, disse, destacando ainda que vai continuar em busca de recursos federais tanto na esfera estadual, quanto federal e que não descarta a possibilidade em adquirir uma usina de asfalto para o município. “Tenho pensado seriamente comprar uma usina de asfalto pra que consigamos, não só durante a chuva, mas durante o ano todo realizar um asfaltamento e um tapa buraco de qualidade”, pontuou.

Lixão – Sobre o lixão localizado no bairro Cidade Universitária o prefeito Humberto Santa Cruz espera ter uma solução, até agosto deste ano, prazo dado pelo Ministério do Meio Ambiente para a implantação do Plano Nacional de Resíduos Sólidos. “Estamos em andamento com o Plano Municipal de Saneamento, inclusive devemos ter audiência pública no final desse mês ou início de fevereiro para tratar dos ajustes finais desse plano. Para fazer um novo Aterro Sanitário, eu tenho de esperar a finalização do Plano Municipal de Saneamento Básico”, disse. De acordo com o prefeito houve uma melhoria no lixão e a Secretaria de Meio Ambiente e Economia Solidária, tem procurado diminuir o impacto ambiental que existe no local. “É um problema de mais de 20 anos de nossa cidade e eu vou resolver ainda esse ano”, comentou.

Mais Médicos – As reclamações da população quanto a falta de médicos na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) também foi pauta da entrevista desta manhã. O prefeito, novamente, destacou que o grande problema nos dias de hoje é fazer com que os médicos queiram trabalhar em municípios do interior. “Nós temos três médicos contratados para prestar atendimento na UPA e muitas vezes não conseguimos contar com eles todos os dias do mês”, justificou, lembrando que a UPA atende casos de emergência e que após 24h de internação o paciente deve ser encaminhado para a unidade hospitalar de referência. 

Humberto lembrou ainda que o município se cadastrou no Programa Mais Médicos do Governo Federal e que espera ser atendido para, deste modo, melhorar ainda mais o atendimento à população do município. Foto de Claudio Foleto, da  Ascom Lem.

Algodoeira 130823_Blog

shopingnovo

Blog Sampaio - 600x400 pixels 

 

 

 

 

Gaúchos recebem baianos como membros de centro tradicionalista.

13/01/2014

CTG Barreiras/BA

O Centro de Tradições Gaúchas Estância do Rio Grande, em Barreiras, no Oeste da Bahia, recebeu na noite de quinta-feira (09/jan), durante o jantar da semana – patrocinado por Valter Gatto, quatro novos filiados, dentre os quais o empreendedor Dó Miguel e o radialista Jota Silva, ambos nascidos na Bahia. Os recém-inscritos foram saudados pelo patrão do CTG, Ildo João Rambo, que disse ser “importante à convivência fraterna e respeitosa entre nativos e gaúchos para preservação das tradições do povo sul-rio-grandense”. Por sua vez, Dó agradeceu o convite de Ernani Cabral para fazer parte do centro tradicionalista, e comentou que o “bom relacionamento entre os povos de todas as regiões do Brasil, sem que um interfira nos costumes do outro, fortalece sobretudo nossa identidade nacional”. Completam a lista de novos membros do CTG Estância do Rio Grande o empresário Marcos Prichula e o consultor agrícola Paulo Sérgio Makbut. Clique na imagem para ver todas as fotos.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 119 outros seguidores