Skip to content

Também no Rio Grande do Norte energia eólica espera linhas de transmissão

14/01/2013
Rio Grande do Norte: belas paisagens e aerogeradores parados.

Rio Grande do Norte: belas paisagens e aerogeradores parados.

O fiasco internacional do Parque Eólico de Caetité, que pronto para funcionar espera pelas linhas de transmissão da CHESF, não é o único caso de falta de planejamento na gestão da infraestrutura. Também os parques eólicos da DESA, no Rio Grande do Norte, aguardam a conclusão atrasada da linha de transmissão que está sendo construída pela Chesf, do Grupo Eletrobras, para entrar em operação enviando energia ao sistema elétrico. O investimento total em parques eólicos (26 ao todo) no Rio Grande do Norte é de R$ 1,8 bilhões de reais, uma montanha de dinheiro.

Além da Desa, a Renova Energia e a CPFL Renováveis estão com parques prontos desde meados do ano passado recebendo a receita a qual têm direito, mas sem gerar energia ao sistema pela ausência da linha de transmissão. “Esse atraso da transmissão traz sérios problemas, porque o custo parado é maior que o custo da usina operando”, disse o presidente da Desa. A linha de transmissão sendo construída pela Chesf tem previsão de ficar pronta em setembro próximo.

About these ads
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 126 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: